Posso questionar Deus?

19

Nesta última semana fiquei muito triste. Desde a morte do Davi, aquele garoto de 10 anos que suicidou-se na quinta passada, meu coração não parou de doer.

Não houve um dia sequer que não pensei na família, na tragédia e na dor que estão sentindo. Confesso que questionei a Deus do por quê Ele permitiu que isto acontecesse. Há tantos por quês em tantas tragédias que acontecem. Deus, por quê?

Orei, chorei, orei de novo. Neste momento o Senhor me respondeu. Ele se achegou a mim e consolou meu coração. Eu estava aflito e Ele ouviu a minha voz. Fui sincero, disse que não entendia e Ele aquietou meu coração e disse: Sabei que sou Deus.

Neste momento Deus começou a falar comigo acerca da vida de Jairo. Eu estava dirigindo o carro no trânsito de São Paulo, chorando e falando com Deus.

Lembrei-me de Jairo, aquele pai desesperado que estava com sua filha à morte. Era apenas uma criança indefesa. Ele chega até Jesus, se joga no chão e pede para que Jesus a cure. Jesus se compadece a vai com ele. No meio do caminho chega a notícia: Sua filha está morta. Não incomode mais o Mestre!

O coração daquele homem gelou. Por um segundo parou de bater. Porém, mesmo assim Jesus vai até aquela menina e a ressuscita. Paramos aqui.

Você percebe que só vemos a foto do momento? Estamos limitados a esta esfera temporal, não conseguimos ver o todo. E então Deus perguntou pra mim: o que aconteceu com Jairo e com aquela menina depois?

Percebi que na foto do momento o final é feliz pois ela ressuscita. Porém tanto ela como seu pai morreram depois. Em algum momento de suas histórias, que não sabemos quando, eles morreram. Aquela menina morreu duas vezes e foi ressuscitada apenas uma. E toda história humana termina com uma tragédia desde o pecado: A morte.

E então Deus me fez compreender: O final não é aí. Não é agora. Você vê apenas o agora. O que tenho para vocês é muito maior. Tenho a vida eterna. A alegria eterna. Essa não tem fim, não pode ser roubada por nada. Isso é o que desejo para vocês.

Eu fiz que essa tragédia fosse minimizada pois a morte é apenas física. O que tenho para dar vai muito além do que qualquer homem possa compreender. Confie em mim!

Ali deixei Deus trabalhar meu coração mais uma vez e fiquei grato por Ele me amar e se importar em falar comigo quando meu coração O questiona. E isso é tudo que Deus quer de nós, que sejamos sinceros, que dialoguemos com Ele, que O busquemos e confiemos nEle.

Não tenha respostas prontas e nem orações prontas. Derrame seus por quês diante do Senhor e tenha um relacionamento íntimo e sincero com Ele.


19 COMENTÁRIOS

  1. Daniel,

    Tenho acompanhado as publicações no Gospelmais e tenho visto como é interessante a leitura e o aprendizado e o conhecimento na palavra de Deus.

    Mas voltando ao pensamento que foi gerado… Falemos de destino dessa criança: E agora? pra onde foi?

    • Só Deus sabe querido!! Não cabe a nós julgar quem vai para o céu ou para o inferno. Deus é bom e justo. O final não é aqui e não são as tragédias. Podemos descansar nele e saber que é soberano. Ele está no controle. Porém temos que nos preocupar apenas com nossa salvação. Quanto aos outros podemos apenas pregar o evangelho e deixar que Deus julgue, pois Ele é justo e bom!! Abraços Isac!!! Que Deus continue te abençoando.

    • segundo a propria biblia, a pessoa que se põe em suicidio não tem a vida eterna no ceu. Está portanto reservado para ele, o inferno. Ele se suicidou, e os suicidas estão condenados ao inferno como afirma o apostolo Paulo. Se vc disser que Deus” não leva em conta o tempo da ignorancia”, e que esse garoto era um ignorante com relação a lei de Deus em relação ao suicidio. Quero lhe dizer que a familia dele é evangelica, e naturalmente os pais lhe levaram a cultos , e Deus que é onisciente, , deve ter-lhe comunicado alguma palavra a respeito,creio eu.A intenção desse garoto era diabolica. Unica e exclusiva de matar a professora. Crime premeditado. Pensado e bolado diabolicamente. Não estou a julgar o garoto, mas sim a atitude dele em executar a professora. Portanto digno de condenação, da parte de Deus . O inferno esta cheio de pessoas com estas atitudes. Que Deus tenha misericordia dos pais desse garoto.

      • Olá querido, tudo bem?

        O objetivo do texto não foi fazer um julgamento do garoto, isso é com Deus. Mesmo porquê, todos merecemos a condenação, somente por Jesus é que podemos ser salvos.Também não quero gerar polêmica sobre suicídio pois não é o tema aqui, porém não existe base bíblica para dizer que os suicidas estão condenados ao inferno (se há, pode me dizer o texto bíblico que diz isso?). O pecado em si condena a todos, porém se a pessoa for justificada por Cristo, não há pecado que a separe do amor de Deus. Enfim, prefiro não usar de clichês ou respostas prontas para explicar coisas que não entendemos e está fora de nossa alçada.

        No caso, eu prefiro me calar e apenas descansar na soberania de Deus. Isso que fiz, e por isso escrevi, porque Ele me confortou e me consolou. Me disse que o fim não são as tragédias que vemos na esfera temporal.

        Que Deus te abençoe!

  2. Irmão mas quando jó questionou a Deus, Deus não o repreendeu???
    porque quem somos nos para querer-mos questionar algo a Deus??
    Ele sabe de todas as coisas…..devemos apenas cofiar nele!! num eh isso???

    Ouvi uma ilustração do pastor Juanribe Pagliarin que dizia:

    Uma mãe bordava um pano e seu filho sempre via o desenho pela parte de tras do pano, e com isso so via linhas entrelassadas, sem formas e embaraçadas…
    Então ele perguntava para mãe o que ela estava fazendo e ela dizia: Estou bordando!
    E passou dias apos dias e ele nunca entendia o que a mae estava fazendo e sempre perguntava e a mae sempre respondia a mesma coisa…até que um dia a mãe terminou o bordado e chamou ele e colocou no colo, e ele tendo a visão de cima do pano, decifrou o desenho e disse: Mãe que lindo o seu bordando!!!

    Ou seja muitas vezes olhamos nossas vidas e vemos apenas linhas embaraçadas, coisas sem sentido…mas Deus esta bordando nossa vida e quando ele termina ele nos pega no colo e mostra quais eram os seus planos para nossas vidas, e então percebemos que por cima daquelas linhas embaraçadas existe um grande desenho, uma grande vitoria e uma vida bela!!
    Então se hoje vc esta enxergando somente linhas embaraçadas, não questione a Deus, apenas confie nele que no final tuda vai dar certo!!!

    Fiquem na paz!!

    ((e irmão, não é por causa disso que eu não tenha gostado do seu estudo, gosto muito de todos eles pois edificam muito a minha vida))

    • Concordo contigo Jaine. Não temos que questionar Deus no sentido de repreendê-lo mas sim de perguntar o por quê. Jó estava achando que Deus era injusto, isso é reprovável. Porém, quando não entendemos e dói, o melhor a fazer é perguntar o por quê, se abrir com Deus e derramar diante dele nossas súplicas. Vemos muito isto nos salmos. Quando Davi, em momentos de angústia pergunta: Onde estás Deus?

      No caso, o que temos que fazer é confiar nele e descansar nele. Sem barreiras ou orações prontas!! Que Deus te abençoe e muito obrigado pelas palavras!!

  3. na verdade eu também fiquei muito triste,com o foto que a comteceu com a quela criança.
    sim uma criança que era responsavel pela sua vida.
    eu mim pergunta como era a quela criança dentro de casa?os seus pais.
    não procurava saber o que estava passando com a quela criança?
    temaos que ter dialógo com nossos filhos.

    satanas ta ai todos os momentos tentando nos tirar da presença de DEUS.
    temos que vijiar.

    DOIS JULGAMENTOS“Conjuro-te, pois, diante de Deus e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na sua vinda e no seu Reino, que pregues a palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina” (2 Timóteo 4.1,2).

    O julgamento final será muito sério, pois, por meio dele e no dia determinado, vivos e mortos serão julgados, e a Palavra irá absolvê-los ou condená-los. Então, seja insistente e procure resgatar os que caminham para o fogo eterno.

    Ninguém deve servir ao Senhor relaxadamente, porque a Sua Palavra declara que os que assim agem são malditos (Jeremias 48.10). Logo, o cristão que, por exemplo, deixar de evangelizar estará em “maus lençóis” e prestará conta a Deus. Preocupado com isso, o apóstolo Paulo foi muito firme ao conjurar Timóteo, diante de Deus e do Senhor Jesus, a pregar as Boas-Novas a todo o momento. Inclusive, esta foi a última ordem do Mestre para todos os Seus discípulos: irem por todo o mundo e anunciarem o Evangelho a toda criatura (Marcos 16.15). Então, ainda hoje, quem não obedecer a Ele, no mínimo, será repreendido (leia a parábola dos talentos, em Mateus 25.14-30).

    abraços atodos
    fica na paz.

  4. a Paz daniel. bom o seu artigo, mas nao ficou esclarecido o porque de Deus “permitir” tal coisa.
    o homem tem o livre arbitrio e escolheu ter independencia de Deus ao desobedecer no eden. somos responsaveis pelos nossos atos, causa e efeito. alem do que estamos sujeitos aos acontecimentos, acidentes, tragedias nesse mundo. infelizmente nao podemos “viver mais como as arvores”, a morte tronou-se natural, parte da vida, pela fragilidade de nossos corpos. e nao podemos culpar Deus pela nossa “independencia”, maldade e violencia dos dias atuais.

  5. Eu entendo que DEUS nao tem do’ de ninguem.Se assim fosse nao teriamos tantos inocentes sofrendo,inclusive as crianças.O que move o coraçao de DEUS e’ a fe’ , confiança NELE, posiçao e atitude.No caso do menino,acho que faltou oraçao, vigilancia,acompanhamento,presença,aconcelhamento e isso tudo se envolve em atitude.

  6. Assassinato é pecado e quem suicida está assassinando a si próprio: “Não matarás” (Ex 20:13)(Ap 22:15). Mas jamais poderemos afirmar que um suicida não foi salvo, porque se ele arrepender de seu ato e pedir perdão a Deus, mesmo que seja numa fração de segundo, ele será salvo. Mas, se não arrependeu, está definitivamente condenado.

    Só no céu iremos saber quem foi e quem não foi salvo. Só o Senhor conhece o coração do homem, nem mesmo quando a questão é suicídio, podemos afirmar que a pessoa está perdida. Portanto, se ele morreu salvo, está no céu. Agora, depois da morte não tem como mudar o nosso estado, ou é céu ou inferno. “E, assim como aos homens está ordenado morrerem uma só vez, vindo depois disto, o juízo final” (Hb 9:27).

    No caso de Judas podemos afirmar, com certeza, de que ele não foi salvo, porque foi o próprio Jesus quem o disse (Jo 17:12).

    Que a graça e a paz do Senhor esteja com você.

    • Hudson, a salvação é pela graça mediante a fé em Cristo Jesus. O pecado não pode levar um salvo para o inferno mesmo que no último segundo ele não tenha tido tempo de se “arrepender”. O cristão continua pecando e se arrependendo, porém o pecado não o manda para o inferno. Porque se são nossos atos que nos salvam, não precisaria de Jesus morrer no nosso lugar. Ninguém pode perder a salvação, a salvação é de graça, favor que não merecemos.

      Não é uma fração de segundo que nos manda para o céu ou o inferno, mas confessar Jesus como Senhor e viver por Ele. Se penso diferente disso, a salvação depende de mim e vc deveria ficar bem preocupado pq se Cristo voltar na hora que vc estiver pecando, vc vai ficar. Não é assim querido. Nada pode nos separar do amor de Deus em Cristo Jesus. Uma vez que me arrependo dos meus pecados e entrego minha vida a Jesus, mesmo que eu peque, eu vou me arrepender, sempre. Se morrer pecando, esse pecado não é capaz de fazer que o sacrifício de Jesus por mim seja anulado.

      Muitos vivem pecado e justificam que são salvos e por isso podem pecar e isso também é um erro. Pois quem é de Deus não quer viver na prática do pecado. Tais pessoas provavelmente não são salvas e nunca foram.

  7. Para quem acha que este rapaz, morreu sem salvaçao eu deixo um alerta com todo amor, quem sabe se o que aconteceu a ele nao seja nossa culpa, que deveriamos estar pregando e nao estamos . Deveriamos estar indo , e pregando de casa em casa, batizando. Quem quer ir?

  8. Daniel, diante dessa discussão surgiu uma dúvida e gostaria que vc respondesse. Aquelas dez virgens que cinco ficaram e cinco foram quando Jesus veio buscar. As cinco que ficaram não era porque estavão em pecado. Eu sempre pensei que uma vez salvo sempre salvo. Logicamente quando a pessoa abandona Jesus e a fé, aí então eu entendo que perde a salvação. A resposta que vc colocou acima é muito boa e bastante esclarecedora. Isso sempre foi motivo de muita discussão em sala de aula dominical.

    • as 5 nunca foram de Jesus… não se cuidaram, acharam que Ele as esperaria e se descuidaram. Uma vez salvo sempre salvo sim, porém não cabe a nós julgar quem é salvo ou não, isso é papel de Deus. Ninguém pode perder a salvação, porém não sabemos se a pessoa um dia foi salva ou não. Quem diz ser salvo e vive na pratica do pecado, mostra com suas atitudes que nao foi salvo. Quem vive em arrependimento, cresce em santidade e busca cada vez mais a Deus, demonstra que foi salvo e está sendo salvo (santificação). não sei se respondi bem.. fica na paz querida Gloria!!

      • At 2.21 16.31 RM 10.9,13 Muito se falou nos salvos, quem são os salvos, como idêntifica-los? Citei apenas 3 textos que mostram a facilidade que Deus pos a todos nós, Salvação gratuita, “Graça de Deus”, como entender isso, João 3.15-22, veja meus queridos o que Tiago ensina, é preciso a prática desta fé, obediência a Deus, mas Ele mesmo sendo Deus não obriga nimguém a obedece-lo, muito se fala na oniciência de Deus, e pouco se fala na limitação do homem, como entender certas coisas? Deus sabia o que ia acontecer e não fez nada, alguns penção.
        Deus sabe se você ou eu vamos cair da fé e deixa-lo amanhã e não fará absolutamente nada para mudar isso, a questão é: Eu não sei o que vai acontecer, e para previnir é melhor vigiar, para explicar aguns impasses inesplicavel, surgiu a doutrina da predestinação, alguns são predestinados a salvação enquanto outros não, e éssa era a explicação para justificar certos acontecimentos, na verdade “toda a humanidade está predestinada a salvação”, mas como se vê, é pré… ou seja você e eu “temos que escolher”, ser ou não “ser salvo”, infelizmente essa crianção escolheu a morte.
        Os salvos sempre lutarão para viver, veja que legal: Porque eu sou crente (Crsitão)? Porque Alguém me ensinou que existe “VIDA” abundante e eterna, ou seja nunca morrer… quem escolhe morrer aqui escolheu…morrer lá também 2°morte.
        São questões complicadas não é, mas a verdade é “uma vez salvo não é sempre salvo”, “aquele que perceverar até o fim”… pondere neste texto MT 10:22, 24:13 Ap2.26 Etc.
        Fiquem na paz

        • Querido, sugiro que estude um pouco mais o livro de Romanos.. Vou ver se escrevo alguma coisa sobre a predestinação, é que preciso falar antes sobre os atributos de Deus, sua bondade, justiça e santidade para então explicar predestinação. A predestinação não surgiu para explicar, ela é apenas bíblica (Leia Romanos 9).

          Não pretendo entrar nesse debate agora de “cair da fé” ou “perder salvação” pois são argumentos que colocam a salvação como dependente de obras e no caso, as obras são consequência da salvação e não causa. Sem obras não há fé, claro. Porém, não são as obras que nos justificam e sim a fé. Esta é a causadora de nossa salvação. Quem tem fé não cai dela, e sim pratica boas obras que demonstram sua fé.

          Quem “caiu da fé” muito provavelmente nunca teve fé e sim experiências. No julgamento final muitos dirão: Jesus expulsei demonios em teu nome. Curamos enfermos, etc etc etc. Jesus lhes responderá: Apartem-se de mim, NUNCA vos conheci. Quem passa a ser filho, não deixa de ser. Porém há aqueles que nunca foram filhos e pensam ser (todo mundo acha que é filho de Deus). Que Deus aumente nossa fé!!

          • Olá novamente e paz de Cristo.

            Ainda bem que você crê na salvação pela graça porque se depender da doutrina sistematizada por homens estaríamos fritos, porque você segundo alguns escritores e teólogos adotou a doutrina de “uma vez salvo sempre salvo” ou seja, Predestinado a salvação ou a morte, os que forem predestinados podem fazer o que quiserem mas no final vão voltar a tempo de se redimirem e serem salvos pela graça, afinal são predestinados a salvação, enquanto outros vão lutar anos a fio, mas não serão salvos pela graça afinal foram predestinados a morte (condenação), sim porque a predestinação tem os dois lados, perdoe me pela ignorância, mas não creio assim e não vou crer jamais, afinal pela palavra de Deus e seus ensinamentos e não segundo um famoso teólogo sistemático das escrituras escreveu, creio na “predestinação universal” de todos os seres humanos para a salvação e os que infelizmente não se renderem e não aceitarem o sacrifício de Cristo não serão então salvos, por suas próprias decisões, e escolhas, quem escolher a Cristo deverá sim praticar boas obras, e devem se esforçar e lutar para isso, porque o pecado que em nós abita só será extinto na volta de Cristo, até lá todos nós temos tendências ruins e propensas ao pecado, ou seja, obras más, as quais revelam o pecado e a necessidade de luta constante, afinal Jesus afirma, “ao que vencer”, sem lutar não tem vitória.

            Mas enfim: Que a graça de nosso Senhor Jesus Cristo possa te conduzir para a Salvação.

  9. querido; DANIEL, muito boa e edificante esta mensagen,que O DEUS de toda graça continue lhe enchendo de unção e poder , não devemos esquecer que DEUS É´JUIZ, JESUS ADVOGADO, e nós somos ADIMIRADORES da LEI ….AMEM

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here