Politicagem Dentro das Igrejas Evangélicas

2

Comecemos falando da questão política…

A Constituição Federal (1988) preconiza o seguinte, no tocante ao salário mínimo:

Artigo 7º – São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem à melhoria de sua condição social…

IV – salário mínimo, fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer, vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo, sendo vedada sua vinculação para qualquer fim.

Agora, eu pergunto:

O salário mínimo vigente no Brasil (de R$ 880, 00) atende tudo o que a Constituição Federal exige?

Resposta: É claro que não…

O salário mínimo atual não supre, nem de longe, o custeio da:

– Moradia.

– Alimentação.

– Educação.

– Saúde.

– Lazer.

– Vestuário.

– Higiene.

– Transporte.

– Previdência Social.

E isso tudo para a pessoa e SUA FAMÍLIA…

Segundo o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), o salário mínimo deveria ser de R$ 3.940,24, e isto para o mês de junho. Há uma diferença muito grande entre o salário mínimo nominal (R$ 880,00) e o salário mínimo necessário (e constitucional).

Em outras palavras…

O povo brasileiro deveria receber um salário mínimo 4,4 vezes maior, para atingir o que a Constituição Federal exige…

Arredondando, o cidadão brasileiro recebe somente 25% do salário mínimo constitucional, estabelecido na nossa Carta Magna…

No entanto…

Os políticos brasileiros ganham salários exorbitantes, que superam (e muito), o salário mínimo estabelecido na Constituição Federal…

Tomemos, por exemplo, um Deputado Federal…

Quanto custa um Deputado Federal no Brasil?

– Tabela de Benefícios (até fevereiro de 2016)

• Salário mensal: R$ 33. 763, 00

• Ajuda de Custo: R$ 1.406, 79.

• Cotão: R$ 39. 884, 31

• Auxílio – Moradia: R$ 1.608, 34

• Verba de Gabinete: R$ 92.000,00

Total de um Deputado Federal: R$ 168.662,44

Então…

– Um Deputado Federal recebe quase 40 (quarenta) vezes mais do que o salário mínimo nominal vigente…

– E o povo?

Ganha somente ¼ (um quarto) daquilo que deveria receber, de acordo com o salário mínimo constitucional…

Ou seja…

O povo brasileiro não recebe nem o salário mínimo estabelecido na Constituição Federal, enquanto os políticos ganham salários estratosféricos, que chegam a (quase) quarenta vezes, o salário mínimo vigente… E isso, sem considerar os benefícios…

Se levarmos em consideração os benefícios recebidos pelos Deputados Federais (dados de fevereiro de 2016), eles recebem 190 (cento e noventa) vezes, o salário mínimo pago ao cidadão brasileiro, atualmente… E esse é um valor arredondado para baixo.

Em resumo…

O cidadão (comum) brasileiro elege representantes políticos que ficam ricos, à custa da miséria do povo, que por sua vez, não recebe nem o salário mínimo que deveria, segundo a Constituição Federal…

A verdade é essa…

Não é a toa que o Brasil entrou num buraco econômico…

E eu estou falando de um deputado federal…

Quanto não custa para o Brasil…

– 513 deputados federais?

– 81 senadores?

E eu só estou falando do Legislativo Federal…

Temos ainda outros cargos do legislativo, nos âmbitos municipal e estadual…

E não nos esqueçamos também do poder executivo, nas esferas municipal, estadual e federal…

Ou seja, há ainda, os…

– Deputados estaduais…

– Vereadores…

– Prefeitos…

– Governadores…

– Presidente.

No Brasil, não vivemos uma democracia de fato…

Para que houvesse uma democracia verdadeira, o povo teria de ganhar, pelo menos, o salário mínimo constitucional…

O povo, na maioria, vive de uma forma indigna (sem o ganho salarial necessário), para garantir o luxo dos seus (supostos) representantes políticos…

Como isso pode ser chamado de democracia?

Como pode haver democracia, se nem a Constituição Federal é respeitada, no tocante ao salário mínimo?

Eu NUNCA vi um político questionar tais coisas, publicamente…

Eu NUNCA vi um político disposto a consertar o disparate que mencionei acima…

E para piorar as coisas, vemos vários desses (supostos) representantes, que ganham salários exorbitantes, envolvidos em casos de corrupção…

É uma vergonha…

E o Governo Federal vem com essa esmola chamada Bolsa Família, e ainda acha que está fazendo algo digno de aplauso?

Se a Constituição Federal fosse de fato obedecida, o povo receberia o salário mínimo constitucional e o povo não necessitaria dessa porcaria de Bolsa Família…

Esse país é uma piada pronta…

O Brasil é um país do faz de conta…

Faz-se de conta que a Constituição Federal é levada a sério…

O povo faz de conta que acredita…

E tudo continua na mesma…

Querem acabar com a corrupção no Brasil?

Pressionem a classe política, para que toda essa mazela que citei até aqui, seja desfeita…
Por tudo o que disse até agora, eu tenho autoridade para afirmar que…

O Brasil é um país de todos… Menos, do povo brasileiro…

No Brasil, na maior parte das vezes, não se faz “política”, mas “politicagem”…

E falando em politicagem…

Tratemos agora sobre líderes eclesiásticos…

Há muitos pastores (bispos, apóstolos, presbíteros) que ostentam uma vida de luxo, à custa da vida simples de seus fiéis…

Explico…

Muitas igrejas são formadas por pessoas, que dependem do salário para sobreviver…
Ou seja, são assalariados…

E mesmo recebendo o salário, com todos os descontos devidos, essas pessoas, membros da igreja, ainda contribuem com os seus dízimos e ofertas… Fazem o sacrifício de contribuírem com a obra de Deus, mesmo ganhando tão pouco… Esta é a realidade da maioria dos evangélicos no Brasil…

Há muitos fiéis que “matam um leão por dia”, a fim de colocarem comida na mesa e pagar as contas em dia…

No entanto…

Muitos líderes eclesiásticos, que presidem estas igrejas, ostentam uma vida de luxo, através da prebenda (salário sacerdotal), à custa do povo sofrido que luta para sobreviver e que ainda, se predispõem a contribuir financeiramente na igreja… É uma vergonha e um péssimo testemunho por parte de tais líderes eclesiásticos…

Enquanto o povo luta para sobreviver, os pastores (e afins) de tais igrejas:

– Vão à churrascaria toda semana…

– Andam de carro espaçoso, a custa da “igreja”…

– Pagam academia para suas esposas fazerem exercícios físicos…

– Viajam dentro e fora do Brasil…

– Pagam as melhores escolas para seus filhos…

– Pagam curso de idioma para seus filhos..

– Etc…

Enquanto isso, o povo que se lasque e se vire para sobreviver…

Para esses lobos devoradores (líderes eclesiásticos), o que importa é o luxo pessoal… As ovelhas pouco importam, desde que elas contribuam financeiramente e propiciem uma vida de ostentação para os líderes (supostamente) ungidos por Deus…

Na prática, tais líderes eclesiásticos estão imitando a “politicagem” praticada pelos maus políticos (que são a maioria, infelizmente)…

Assim como os políticos vivem no luxo, a custa da miséria do povo…

Tais pastores (e afins) vivem no luxo, à custa dos membros da igreja, que não têm como ostentar luxo, já que vivem do salário sofrido que recebem…

E tudo isso é o que mais acontece nas igrejas evangélicas brasileiras, infelizmente…

Em suma: tais líderes eclesiásticos trazem para dentro da igreja, a “politicagem” praticada pelos maus políticos…

Para mim, são tudo “farinha do mesmo saco”…

Gostaria de terminar, dizendo que:

Não me refiro a todos os pastores (e afins)…

Há líderes eclesiásticos sérios e que servem ao Deus Vivo…

Mas, existem muitos oportunistas com título de pastor, e não há como negar isso…

Eu enxergo tudo o que citei nesse “artigo” e espero que vocês também passem a enxergar…

Que Deus os abençoe…

Até mais…

Adonay Hu HaElohim
(Só o Senhor é Deus)

BIBLIOGRAFIA UTILIZADA

1 – CONSTITUIÇÃO FEDERAL. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm Acesso em 22 jul. 2016, 14h19.

2 – DIEESE. Salário mínimo nominal e necessário. Disponível em: http://www.dieese.org.br/analisecestabasica/salarioMinimo.html Acesso em 22 jul. 2016, 14h52.

3 – CONGRESSO EM FOCO. Deputados custam R$ 1 bilhão por ano ao contribuinte. Disponível em: http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/lista-todos-os-salarios-e-beneficios-de-um-deputado/ Acesso em 22 jul. 2016, 16h22.


2 COMENTÁRIOS

    • O povo não enxerga devido os seguintes motivos:
      – Porque o povo tem preguiça de pensar…
      – Porque o povo quer receber tudo pronto…
      – Porque o povo gosta de tapinhas nas costas e se deixa enganar por tais tapinhas…
      – Porque o povo se vende por pouco…
      – Porque o povo habituou-se a aceitar tudo, sem questionar…
      A culpa não é só do povo… Mas o povo tem uma grande parcela de culpa no engano em que estão inseridos… Ou seja: o povo quer ser enganado, na grande maioria das vezes…

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here