“Em Seus Braços Recolherá os Cordeirinhos.” (Isaías 40.11)

0

Nosso bom Pastor tem em seu rebanho uma grande variedade; alguns são fortes no Senhor, e outros são fracos na fé, mas ele é imparcial em seu cuidado para com todas as suas ovelhas, e o cordeiro fraco é tão caro a ele quanto o mais desenvolvido. Cordeiros estão acostumados a ficar para trás, propensos a vaguear, e aptos a se cansarem, mas de todo o perigo dessas fraquezas o Pastor os protege com o braço do seu poder.

Ele encontra as almas recém-nascidas, como cordeiros, prestes a perecer – ele os alimenta até que se tornem vigorosos; ele encontra mentes fracas prontas para desmaiar e morrer – ele os consola e renova a sua força. Todos os pequeninos ele reúne, pois não é a vontade de nosso Pai celestial que nenhum deles venha a perecer.

Que olhar veloz que o Pastor deve ter para vê-los todos! Que coração terno para cuidar de todos eles! Que braço de longo alcance e potente, para reuni-los todos!

No tempo de sua vida na terra, ele foi um grande reunidor do tipo mais fraco, e agora que ele habita no céu, o seu coração amoroso anseia pelo manso e contrito, o tímido e fraco, o temeroso e vacilante aqui embaixo.

Quão gentilmente ele me reúne a si mesmo, à sua verdade, ao seu sangue, ao seu amor, à sua igreja!
Com que a graça eficaz ele me compele a ir a ele!

Desde a minha primeira conversão, com que frequência ele tem me restaurado dos meus extravios, e mais uma vez me acolhido no círculo de seu braço eterno!

O melhor de tudo é que ele faz tudo isto pessoalmente, não delegando a tarefa de amor, mas condescendendo resgatar e preservar o seu servo mais indigno.

Como o amarei o suficiente, ou servi-lo dignamente? Eu de bom grado farei o seu nome grande até os confins da Terra, mas o que pode minha fraqueza fazer por ele?

Grande Pastor, adicione à tua misericórdia esta outra, um coração para amar-te mais verdadeiramente quanto eu deveria.

Texto de autoria de Charles Haddon Spurgeon, traduzido e adaptado pelo Pr Silvio Dutra.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here