Home » Destaque, Estudos por VC

Renovação

Estudos Bíblicos em seu email

Receba Estudos Bíblicos em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

Renovação

Isaías 43:18-19 – “Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço uma coisa nova; agora está saindo à luz; porventura não a percebeis ? Eis que porei um caminho no deserto, e rios no ermo”.

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Renovar = Tornar novo, ou como novo; modificar, introduzir novos elementos, recomeçar, voltar como era.

Alguns irmãos me perguntaram o que é a renovação do matrimônio. E pensando sobre o assunto, me veio a mente, se renovar é deixar novo de novo, então renovação de matrimônio é deixar o casamento novo de novo, como era no início.
Muitas vezes não gostamos de pensar em renovação, pois, não gostamos muito de mudanças, a estabilidade nos deixa confortáveis, nos dá segurança e torna as coisas mais previsíveis. Mas isso tem efeito colateral: pode trazer falta de crescimento e consequentemente obsolência, ou seja, nos deixar fora de uso.
O resultado disso é que em pouco tempo nos tornamos ultrapassados e irrelevantes para o contexto da nossa vida.
Por isso temos que ter a expectativa de renovação, trazer mudanças para nossa vida.
Romanos 12:2 nos diz: “E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus”, este versículo deixa bem claro que a mudança da nossa mente traz o que é bom, agradável e perfeito.
Bom, até aqui falamos de renovar, mudar, mas enfim, renovar, mudar o quê ?
Devemos renovar, mudar as nossas atitudes e pensamentos no nosso casamento.
E para que essa mudanças sejam realizadas precisamos colocar algumas metas em nosso casamento:

1ª Meta – COMUNICAÇÃO
Como está sua comunicação dentro de casa, com sua esposa, com seus filhos ?
Quando namoramos, gostamos de conversar bastante com nossa(o) namorada(o), e nos divertimos bastante um com o outro. Com o passar do tempo, começamos a esquecer essa atitude, cinco minutos ouvindo nosso cônjuge parece uma eternidade, mas quando estamos em frente à TV, assistindo a filmes, novelas ou futebol, duas ou três horas parecem pouco e ficamos ansiosos pelos próximos capítulos.
Devemos trazer de volta esta atitude para o nosso casamento. Ficar ansiosos pela próxima conversa.

2ª Meta – SEPARAR UM TEMPO PARA O CASAL
Quando namorávamos sempre tínhamos um tempo juntos, por pequeno que fosse. Parece que depois que casamos, o tempo juntos não é mais tão importante para nós. E isso é um tremendo engano.
Jaime Kemp, Pastor e Doutor na área de famílias, diz que tem um dia da semana que ele passa com sua esposa. E nesse dia pode acontecer qualquer coisa, ele não abre mão desse tempo com ela.

3ª Meta – SUPERAR OS CONFLITOS
* Deixar o Problema de lado e criticar a pessoa.
* Ampliar o problema.
* Relembrar as mágoas do passado.
* Nunca perder uma briga.
Quatro atitudes erradas, qualquer uma delas pode transformar uma pequena discussão em uma guerra mundial.
Podem aparecer situações difíceis, mas precisamos aprender a agir corretamente diante delas. Os conflitos vão sempre exirtir. “Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”. João 16:33.

4ª Meta – ACEITE OS DEFEITOS DO SEU CÔNJUGE
Quando procuramos uma pessoa para começarmos um relacionamento, procuramos uma pessoa perfeita, só esquecemos que ela não existe, por isso enxergamos apenas as virtudes dessa pessoa, o lado bom e agradável.
Porém, quando casamos, na primeira semana, começamos a enxergar os defeitos dessa pessoa, é quando pensamos: “Agora é tarde demais”, “Onde amarrei o meu burro ?”.
Temos que aprender a amar com Cristo. Não apenas “Por causa de”, mas “Apesar de”.
O problema é que vivemos em um mundo que fica o tempo todo dizendo a você: “você merece alguém melhor”, e acreditamos nisso. O que esquecemos é que o nosso cônjuge também ouve isso. Mas olhamos sempre a grama do vizinho, que está sempre “verdinha”, devemos para de pensar na grama do vizinho e cuidar da nossa grama para que ela fique “verdinha”. Devemos mudar nossas atitudes, senão elas podem nos levar até a separação.
Mas o que ouvimos de alguns que se separaram é: “porque eu me separei ?”.
Devemos pensar que o que nos motiva a amar alguém é que podemos perdê-lo.

5ª Meta – VALORIZE O ATO SEXUAL
Deus criou o sexo para desfrutarmos. Devemos para de pensar que sexo é pecado. O diabo tem colocado em nossas mentes que o relacionamento sexual não agrada a Deus, e isso é uma mentira. Se não agradasse a Deus, Ele não teria criado algo tão prazeroso.
Já ouvi muitos Pastores e Líderes afirmarem que o sexo dever ser realizado somente para procriação, e isso é outro engano do diabo. Se assim o fosse não era necessário Deus ter criado o prazer. A Bíblia diz em Gênesis 1:31 que “Tudo que Deus criou era muito bom”. E se pensarmos dessa forma, se Deus criou, e é bom, não foi apenas para olharmos, mas para desfrutarmos.

6ª Meta – RESOLVER OS PROBLEMAS FINANCEIROS
Essa área tem acabado com muitos casamentos. É difícil ter um relacionamento sadio com o fantasma das dívidas em nossa mente.
Para tentar resolver esse problemas precisamos:
A – Conversar sobre o assunto com nosso cônjuge.
Muitos casais não conseguem conversar sobre dinheiro, sem que aja discussão. Só conversando será possível resolver o problema, não somente na área financeira, mas isso serve para qualquer área de nossa vida.
B – Fazer uma lista das dívidas
Devemos fazer uma lista de tudo que devemos, inclusive as contas parceladas, somar o total de todas as dívidas, para sabermos o quanto estamos devendo.
C – Elaborar uma lista dos rendimentos
Talvez esta seja a lista mais fácil, pois é só somar os contra-cheques, seus e de seu cônjuge, (vocês estão juntos nisso).
D – Elaborar uma lista das despesas
Esta lista é diferente da lista da dívidas totais, esta é a lista das despesas do mês, o que vocês vão pagar no mês.
E – Preparar o orçamento
Somar todos os seus rendimentos e subtrair todas as despesas e seu orçamento está pronto.
F – Continuar atento a situação financeira
Não é porque você criou um orçamento que está tudo resolvido, você tem que “fazer funcionar” esse orçamento, e essa é a parte mais difícil na situação financeira.
G – Pagar as dívidas
É claro que fazer uma lista das dívidas e não procurar pagá-las não adianta nada, procure, dentro do possível ver na sua lista de dívidas, (não a lista de despesas), comece pelas dívidas que são menores, tente saldá-las, mesmo que o vencimento ainda esteja longe, (talvez consiga algum desconto). Pois desta forma você estará eliminando dívidas e diminuindo a sua lista de dívidas
H – Não comprar fiado
Evite comprar fiado, (isso inclui o pão na padaria do seu João), é claro que você não deve ser doente por não fazer dívidas, mas procure evitá-las, nessa fase de tentar resolver esse problema.
Tome cuidado com o cartão de crédito, se possível, quebre-o, desta forma você evitará comprar coisas que talvez você não precise ou que podem esperar, para quando tiver o dinheiro.
I – Manter uma cesta de lixo perto da pilha de correspondências.
Nas correspondências que recebemos, normalmente chegam junto, muitos panfletos de ofertas e coisas que parecem atraentes, se você mantiver próximo um cesto de lixo, quando receber estas correspondências, nem as leia de preferência, jogue-as fora.

Não estou dizendo que você vai resolver o problema da noite para o dia, talvez demore um pouco, tudo depende de quanto você deve. Mas com certeza isso ajudará muito a manter a dívidas em dia.

7ª Meta – SUPERAR ILUSÕES
Devemos para de pensar que, “nada irá mudar”, “minha vida seria melhor se eu tivesse outra pessoas ao meu lado”, “o verdadeiro amor é apenas um sentimento”.
Amor não é apenas sentimento, mas sentimento, atitude e decisão.
E quando não tomamos atitude e decisão é impossível um amor duradouro.

CONCLUSÃO
Em todas essas metas, a mais importante de todas está nas entrelinhas de cada uma delas. São os votos que fizemos um ao outro, no dia que casamos. Nos esquecemos das palavras ditas, dos juramentos. Devemos rever nossos votos para ver se estamos cumprindo cada um deles.

E agora eu respondo:
Renovação de matrimônio é: “trazer de novo a mente os votos e juramentos que fizemos ao nosso cônjuge no dia que casamos e que a longo dos tempos vão sendo esquecidos de nossas mentes e de nossas atitudes”.

Aproveitem bem os momentos de felicidade.
Porém para que o casamento seja duradouro, precisamos aprender a amar nos momentos de dificuldade.
Que Deus nos abençoe e renove a cada dia a nossa mente, para o que é bom, perfeito e agradável.
Amém

Pastor Wanderley
Ministério Famílias com Cristo

"As opiniões ditas pelos colunistas são de inteira e única responsabilidade dos mesmos, as mesmas não representam a opinião do Gospel+ e demais colaboradores."

PS.: Comentários via Google+ estão logo abaixo desabilitados no momento.


Comentários via Facebook

2 comentaram, comente você também!

  1. Porém o sexo so pode ser consumado após o casamento né pastor???

    

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 5,002 comentários no Estudos Bíblicos.

Da Internet e em Inglês para Praticar