Quem É Cristo Para Ti?

0

Amados, é sumamente importante que nos façamos tal pergunta, para sabermos até que ponto temos valorizado o Senhor Jesus Cristo.

É certo que nunca lhe daremos o valor devido enquanto estivermos nesta presente condição limitada de compreensão em que todos nos encontramos.

Mas sabemos que o valor do Senhor é infinito, assim como Ele é infinito.

E especialmente, para nós, tal valor está bem fundado no significado de tudo o que Jesus representa para cada ser que respira, e até mesmo de tudo quanto existe no universo material.

Muito bem.

Tragamos nosso pensamento ao exercício reflexivo:

Se Deus começou a humanidade com a criação de um único casal, de onde vieram, depois disso, todos estes bilhões de espíritos que têm povoado a terra?

Eles vieram porventura do nada?
Não é isto um sinal evidente de que temos recebido o dom da vida de Deus?

E nosso Senhor Jesus Cristo, juntamente com Deus Pai e o Espírito Santo, tem participado ativamente desta criação.

Já por este único ponto teríamos que ser eternamente gratos ao Senhor por nos ter dado o dom da vida.

Mas não devemos parar neste ponto.

Importa prosseguirmos adiante para ver que devemos muito mais a Jesus.

E enquanto não conhecermos a nossa real necessidade dEle para que possamos vencer a morte e ter vida eterna, cumprindo o propósito da criação original, jamais poderemos entender o valor infinito de nosso Senhor.

E isto não decorre de dizer simplesmente que Ele é o único Salvador.

Que Ele perdoa pecados.

Que Ele nos assiste em nossas necessidades e nos livra do mal.

Que ele cura enfermidades.

Que expulsa demônios.

E que nos liberta de tudo o mais que possa nos afligir.

É certo que devemos ser-Lhe gratos por tudo isto.

Mas será que sabemos de fato a profundidade do significado de Jesus para nós?

Como já disse antes, nunca saberemos até que conheçamos a nossa própria real necessidade.

Em primeiro lugar, devemos saber que toda a humanidade, incluindo até mesmo as melhores pessoas, as mais sábias, cultas, educadas, caridosas e que sejam dotadas das melhores virtudes, se encontra debaixo da ira de Deus por causa da natureza decaída no pecado.

Todos estão por isso naturalmente desprovidos da vida de Deus.

A imagem e semelhança projetada para que o homem tivesse com Ele foi perdida e arruinada desde que o primeiro homem pecou.

O homem deveria ser filho de Deus, por ter a natureza de Deus.

Mas desprovido desta natureza, não somente não é filho de Deus, mas sujeito ao domínio do arqui inimigo de Deus que é o diabo.

Então, em seu grande amor e misericórdia, Deus nos enviou seu filho unigênito Jesus Cristo, para que tomasse o nosso lugar, quanto ao juízo de ira que deveríamos receber, e ao morrer na cruz, destruiu o pecado e o domínio do diabo, de maneira que pela fé nEle, sejamos reconciliados com Deus, recebamos a natureza divina, e sejamos adotados como seus filhos.

Então, quem poderia realizar uma obra como esta, senão aquele que foi designado para ser o nosso Sacrifício, Rei, Profeta, Sacerdote, e a nossa justiça, a nossa santificação e a nossa vida?

Quem nos habilitaria a viver no amor, na justiça e na verdade divinas?

Quem nos inclinaria a amar a Deus e os seus mandamentos?

De modo que aqueles que vivem de tal forma, são os que vivem não mais por si mesmos, mas pela vida de Jesus neles, e para Ele.

Então, perguntamos mais uma vez: quem é Cristo para ti?

Pr Silvio Dutra


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here