Esforço, Diligência e Empenho

0

O Senhor é a força do seu povo porque é por se estar em comunhão com ele que recebemos graça sobre graça para sermos fortalecidos em Cristo Jesus. É por se viver de modo agradável a Deus que somos fortificados por ele, de modo que se diz que a sua alegria é a nossa força.

Por natureza somos fracos para fazermos a vontade de Deus, de modo que devemos ser diligentes e nos esforçarmos para ser fortalecidos pela sua graça.

A vida cristã é uma guerra contínua e constituída de muitas batalhas contra o pecado, o diabo e o fascínio do mundo. As tentações se multiplicam ao nosso redor e no nosso próprio interior, através de nossos desejos pecaminosos, de modo que necessitamos estar continuamente revestidos pela graça para que possamos viver de modo vitorioso.

Isso não pode ser alcançado sem muita diligência em vigilância, oração, meditação na Palavra e busca da comunhão com aqueles aos quais fomos unidos pelo Espírito Santo para congregar e fazer a obra de Deus.

Em inúmeras passagens bíblicas observamos que a graça é concedida em conformidade com o nosso esforço, com o nosso empenho na obra de Deus.

Receberemos mais graça para que sejamos usados pelo Senhor. E como a graça de hoje já não nos servirá amanhã, tal como o maná, necessitamos de renovados suprimentos diários de graça, e para tanto devemos buscá-la no Senhor cotidianamente através dos meios ordenados pela Palavra.

Temos da parte de Jesus o encargo de proclamar o evangelho em palavras ou através do testemunho pessoal de nossa vida santificada, e não podemos fazê-lo caso não estejamos fortificados na e pela graça.
Acrescente-se a isto que o testemunho e o conhecimento da Palavra são obtidos em graus cada vez maiores, pela nossa plena diligência, conforme dizer do apóstolo em II Pedro 1.5-7.

Como a nossa luta não é contra a carne e o sangue, mas contra espíritos malignos chefiados por Satanás não teríamos força em nós mesmos para enfrentar as investidas que eles fazem contra nós, especialmente em razão de estarmos envolvidos com os interesses do reino de Deus.

Devemos sempre lembrar que não será jamais por qualquer boa obra nossa, nem sequer por uma miríade delas, que alcançamos o reino dos céus, uma vez que ele é obtido somente por graça e mediante a fé. Todavia, ao mesmo tempo, devemos lembrar que sem esforço de nossa parte não há conversão, nem santificação. Os que ficam apenas no desejo de serem salvos ou santificados e que não buscam diligentemente atender às condições necessárias para tanto (arrependimento, oração, quebrantamento, busca de Deus, confiança em Jesus, renúncia ao ego, a tradições vãs, a maus hábitos etc) jamais verão o seu simples desejo ser atendido por Deus.

O reino de Deus é para ser tomado e experimentado a partir da nossa vida aqui embaixo, e isto sempre ocorrerá por meio do nosso esforço em atender às condições estabelecidas na Palavra – quer para entrar nele pela conversão, quer para permanecer nele em vitória.

“Esforça-te; tem bom ânimo; persevera; fortifica-te; seja corajoso”; são notas dominantes nas Escrituras, e faríamos bem em atendê-las para termos sucesso na vida cristã.

Lembremos também que a maior evidência da nossa salvação é a perseverança (veja: a evidência, e não a causa). A graça verdadeira é ativa e nos manterá, portanto, em constante atividade espiritual na busca de santificação para sermos úteis na causa do Evangelho. Onde faltar portanto a diligência e a perseverança, pode ser devido à falta da verdadeira graça que salva, seja por inexistência, seja por esfriamento em razão de um viver espiritual negligente.

Você pode ler os versículos bíblicos contendo destacadas as palavras 1 – apoude (grego) – diligência;
2 – philotimeomai (grego) – esforçar-se, lutar;
3 – agonizomai (grego) – esforçar-se a ponto de agonizar;
4 – endunamoo (grego) – fortalecer-se, fortificar-se;
5 – chazaq (hebraico) – esforçar-se, ser forte;
6 – oze (hebraico) – força; relativas ao assunto, acessando o seguinte link:

http://www.recantodasletras.com.br/mensagensreligiosas/5391592


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here