ENTENDENDO A IDOLATRIA CATÓLICA

0

No Antigo Testamento, o povo judeu teve acesso à “sombra dos bens futuros” e não a “imagem exata das coisas”. Explico: no período do Antigo Testamento, antes do nascimento de Jesus Cristo, o culto ao Deus de Israel estava “impregnado” do uso de “rituais” e “objetos” que apontavam para a “Pessoa” e para a “Obra de Cristo”, senão vejamos:

No Tabernáculo (por exemplo), havia alguns “objetos”, a saber:

Candelabro: Simbolizava Jesus, a luz do mundo (João 8:12).

Mesa dos pães da proposição: Simbolizava Jesus, o pão da vida (João 6:35).

O altar do incenso: “Incenso” simboliza “oração” e apontava para Jesus, o nosso Advogado, que intercede por nós (1 João 2:1).

A “Arca do Pacto” e sobre a Arca, os “Querubins da Glória”, que cobriam o “Propiciatório”: tudo isto tipificava (de maneira simbólica), a presença de Deus no meio do seu povo – Jesus é Deus e Ele se fez carne e habitou entre nós (João 1:14).

O “Altar dos Holocaustos”: Simbolizava o Sacrifício de Cristo por nós, pois, Jesus é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo (João 1:29).

Observem que tudo o que citei acima eram “sombras” daquilo que havia de vir.

Hoje, estamos no “Novo Testamento”, pois, Jesus veio e morreu por nós na cruz.

Deste modo, não necessitamos ficar na “sombra” dos “rituais” ou “símbolos” da Antiga Aliança. Temos a “substância real”, ou seja, a pessoa de Jesus, que já garantiu a nossa salvação através do sacrifício Dele na cruz. Por isso, não necessitamos mais de “símbolos” como “Altar dos Holocaustos”, “Arca do Pacto”, “Propiciatório e os Querubins da Glória”, “Altar do Incenso”, “Candelabro”, “Mesa dos Pães da Proposição” etc. Podemos ter acesso à Deus (Pai) através de Jesus Cristo…

No Antigo Testamento, Deus havia ordenado a confecção de tais “imagens” a fim de “simbolizar” (sombra dos bens futuros) aquilo que havia de se cumprir na Pessoa e na Obra Vicária de Jesus Cristo (imagem exata das coisas).

Quanto a isto, vale salientar que:

– Tais imagens não foram feitas para serem “cultuadas” ou para servirem como “objetos de veneração”. Observem que EM NENHUM MOMENTO, Deus disse que o povo de Israel deveria cultuar os “Querubins da Glória” presentes no “Propiciatório”.

Tais “imagens” serviam tão somente para “simbolizar” a presença de Deus no meio do Seu povo e também, para “apontar” para a Pessoa de Jesus, que é “Deus que se fez carne” e que habitou entre nós.
PELO FATO DA IGREJA CATÓLICA FAZER PROCISSÃO COM USO DE IMAGENS HOJE EM DIA… PELO FATO DA IGREJA CATÓLICA ENSINAR QUE DEVEMOS FAZER ORAÇÕES DIANTE DE IMAGENS HOJE EM DIA… PELO FATO DA IGREJA CATÓLICA TER ALTARES PARA IMAGENS HOJE EM DIA… PELO FATO DA IGREJA CATÓLICA ENSINAR QUE DEVEMOS “BEIJAR” IMAGENS HOJE EM DIA… PELO FATO DA IGREJA CATÓLICA ENSINAR QUE DEVEMOS ACENDER VELAS DIANTE DE IMAGENS HOJE EM DIA E ETC… ENFIM, POR TUDO ISTO E MUITO MAIS, A IGREJA CATÓLICA ESTÁ DESOBEDECENDO À DEUS, PRATICANDO O PECADO DA IDOLATRIA…

No Antigo Testamento, o povo de Israel NUNCA direcionou suas orações aos “objetos em si”, mas à Deus… Os “objetos” ou “imagens” apenas simbolizavam a “Presença de Deus” e a “Sombra dos Bens Futuros” (Pessoa e Obra de Cristo).

– Hoje, por não estarmos mais no “Antigo Testamento” e sim, no “Novo Testamento”, não temos mais de fazer uso de tais “imagens” (sombra dos bens futuros), pois, já temos a “substância real” (imagem exata das coisas), ou seja, Jesus Cristo.

HOJE, O USO DE “IMAGENS” POR PARTE DA IGREJA CATÓLICA CONSTITUI O PECADO DA IDOLATRIA, POIS, TEMOS A JESUS CRISTO, NÃO HAVENDO MAIS NECESSIDADE DE TAIS “SÍMBOLOS”… A INSISTÊNCIA EM SE FAZER O USO DE “IMAGENS” E “NICHOS”, DEMONSTRA O QUANTO A IGREJA CATÓLICA JÁ SE DESVIOU DA PRESENÇA E DA PALAVRA DE DEUS.

Em suma: Deus até ordenou a confecção de algumas imagens no “Antigo Testamento”, mas em nenhum momento, tais “símbolos” deveriam ser usados para prestação de culto ou veneração… Da mesma forma, por estarmos no Novo Testamento, não se justifica mais o uso de tais “imagens” (sombras), pois, já temos a “substância real”, que é Jesus… A IDOLATRIA CATÓLICA, NO TOCANTE AS IMAGENS, ESTÁ NA ATITUDE DELA (DA IGREJA) DIANTE DESTAS IMAGENS E NA INSISTÊNCIA DE SE CONTINUAR A FAZER USO DELAS…

Espero que tenham gostado deste estudo e até a próxima oportunidade, se Deus assim quiser…


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here