A Restauração

4

(Ezequiel 36:20-33).

O povo de Israel estava perdido e Deus usou a vida de Ezequiel para trazer o povo de volta aos caminhos do Senhor.
E por haver o povo profanado o Nome do Senhor, foram obrigados a deixar a terra.

E o Senhor, através de Ezequiel diz ao povo, “que os estava poupando, por amor do Seu Santo Nome”, não por amor aos homens, ao povo de Israel, que por causa da contaminação do mundo, estavam distantes de Deus, mas Deus se preocupa, naquele momento, com o Seu Santo Nome, que estava sendo sujado pelo povo, e isso O entristecia. E Deus tomou atitudes.

Primeira atitude – “e eu santificarei o meu grande nome”, (v. 23).
Para que o mundo saiba que eu sou Deus, e também separarei o meu dentre as nações, e vos darei uma terra separada, onde derramarei água pura e ficareis purificados.

Segunda atitude – “Também vos darei um coração novo”, (v. 26).
Para mudar de uma vida normal, para uma vida espiritual, um coração duro, de pedra, para um coração de carne, sentimental, onde estará o Espírito do Deus vivo. Coração esse que guarda os estatutos e as ordenanças de Deus. Para assim habitar na terra prometida.

Terceira atitude – “Pois eu vos livrarei de todas as vossas imundícias”, (v. 29).
É o Senhor quem nos livra das nossas iniqüidades. Quando tentamos por nós mesmos, nada conseguimos, mas quando o Senhor toma atitude, quando o Senhor quer realizar, quem somos nós?

E o que ganhamos com essas atitudes de Deus?
– Multiplicação nos frutos da nossa árvore.
– Novidade no nosso campo.
– Não somos mais humilhados.

E lembrar-nos-emos dos maus caminhos, da maldade, e teremos nojo de nós mesmos, das iniqüidades e abominações contra o Senhor.

Mas o Senhor diz: “Não é por amor de vocês que eu faço isto, diz o Senhor Deus, notório vos seja; envergonhem-se, e confundam-se por causa dos vossos caminhos, ó casa de Israel”, (v. 32).
Mas é para termos vergonha de nós mesmos e para que não confundamos os dois caminhos, o bem e o mal.

E completa, “No dia em que eu purificar vocês de todas as vossas iniqüidades, então farei com que sejam habitadas as cidades e sejam edificados os lugares devastados”, (v. 33).
Esse é o dia, é hoje, é hoje que o Senhor deseja mudar seu coração.

Pastor Wanderley
Ministério Famílias com Cristo
http://familiascomcristo.blogspot.com

4 COMENTÁRIOS

  1. israel,depois disso,nunca mais envergonhou o nome de deus.mas,não pense que essa mudança de postura veio simplesmente só da parte deles.deus se certificou que eles nuca mais iam envergonhar o seu nome.os purificou,deu um novo coração para eles,os ressuscitou,etc.quantas vezes deus usa a pessoa e minhões de vezes a pessoa volta ao pecado fazendo até pior?deus fez de tudo,se certificou que nunca mais isso ia acontecer.ele teve que mudar completamente o coração deles.um coração agora disposto a adorá-lo.uma mudança de coração mesmo,de dentro para fora.uma mudança não passageira.de dentro mesmo.parabêns para deus.deus de misericórdia.

  2. eu estou nessa mesma situação.por causa das minhas escolhas erradas,eu me afastei dos caminhos do senhor.também por causa dos conselhos errados,amizades falsas até dentro da igreja e dentro da minha própria família que deveria estar do meu lado.estou amargando derrotas atrás de derrotas.choro noite e dia sem ter consolo nem da parte de deus.

DEIXE UMA RESPOSTA