Capa

Jesus e o Divórcio: Tem gente querendo ser mais santo que Cristo

Next Article
A Batalha da Vida
Comments (28)
  1. Emerson disse:

    Graça e Paz
    Admiro sua intenção em esclarecer o assunto. Mas se quer mesmo esclarecer, não deve se utilizar de “em uma outra versão” ou qualquer coisa que remeta à interpretação do tradutor.
    Você sabia que há palavras distintas no grego traduzidas como Prostituição e Adultério? Você sabia que Jesus, em nenhuma destes textos citados por você, usou a palavra adultério? Não vou aqui defender meu ponto de vista que de fato é diferente do seu e pelo seu relato diferente do pastor da TV, quero somente que você se aprofunde mais nos seus argumentos e quem sabe, seu ponto de vista fique embasado mesmo na Palavra de Deus e não na interpretação de homens.

  2. Estudo interessante.
    Neto vc citou os versos 4-6 de Mateus 19, e depois citou o verso 9, pulou os versos principais nesse texto que são o 7 e 8, onde Jesus responde aos fariseus com relação ao divócio. Ele não diz que é favorável ao divórcio, o que Ele diz é que por causa da dureza do coração do homem, ou seja, por causa do homem n~]ao aceitar o que Deus planejou, Moisés, (não Deus), mandou dar carta de divórcio.
    Partindo desse texto, podemos entender que Deus jamais aceita um divórcio, é uma atitude abominável aos olhos do Senhor, mas, nós homens, duros de coração, fazemos da forma como nós queremos ou que imaginamos ser o melhor.
    Dureza de coração!!!
    Não é só nessa área que somos duros de coração, pois deixamos de observar o que a Palavra de Deus diz e normalmente fazemos o que achamos que é melhor.
    Devemos ler a Palavra de Deus de forma completa, não apenas os versos que nos interessam.
    Que Deus nos abençoe, e que possamos ter corações inclinados a fazer a sua vontade.
    Pastor Wanderley

    1. ALEXANDRE disse:

      ….é por aí….CORAÇÕES ENDURECIDOS, é a verdadeira definição…..DEUS OS ABENÇOEM….!

    2. Neto Curvina disse:

      Excelentes colocações, pastor.
      Eu também sou contrário ao divórcio e, sempre que estou aconselhando noivos, deixo bem claro que a aliança que estão fazendo é para sempre. Essa é a regra.
      Cristo estabeleceu essa regra. E ele abriu a única exceção a ela que, convenhamos, é mais do que justa, o que não poderia ser diferente.
      Lembrando às mulheres, que sempre são tratadas de modo a aceitar tudo que vem dos homens, que a regra – e sua exceção – vale para ambos.
      E finalizando, há sempre a possibilidade de uma reconciliação. De perdão.
      O que quis explicitar, é que Cristo reescreve a Lei, como o fez, por exemplo, em relação ao sábado, e a torna mais justa, tanto para homens quanto para mulheres.
      O que vejo todos esses anos é um receio exagerado em tratar desse assunto nos púlpitos.
      Talvez se fosse explicado com mais clareza as pessoas pensassem bem antes de contrair o matrimônio. Daí concordar quando o irmão diz “fazemos o que achamos que é melhor”.
      Ou seja, divórcios provocados por questões fúteis como rotina, incompatibilidade de gênios, ciúme descontrolado, cobiça, etc. O que está completamente em desacordo com a Palavra de Deus.
      O que não extermina à exceção à regra, bem clara no texto.
      Reafirmo, não defendemos o divórcio. Mas não podemos esconder o texto.
      Fico feliz com o comentário do irmão e com a possibilidade de poder debater de forma equilibrada um tema tão controverso.
      Que Deus abençoe seu ministério.
      Neto Curvina

    3. ALMIR disse:

      MEU QUERIDO IRMÃO ,MUITOS TEXTOS NO V T ,NA LEI DEPOIS DE CUMPRIDA POR JESUS MUDA-SE NO NOVO,POIS CONCORDO PLENAMENTE COM MT 19 :4-6.POIS VEJA A MINHA SITUAÇÃO EM 86 CASEI NA IGREJA ,VÉU E GRINALDA,MOÇA VIRGEM,MAS,AOS 4 ANOS DE CASADO A MULHER INVENTOU DE NAMORAR NO SERVIÇO,SAIU DE CASA POR TRES VEZES ,FOI MORAR COM A FAMÍLIA. PORTANTO VOLTOU AS TRES VEZES ,ELA VINHA E PEDIA PERDÃO ,QUERIA RECONCILIAR´LEVAVA O CASO AO MINISTÉRIO E ME DIZIAM ASSIM:POIS VOCE TEM QUE ACEITA-LA.PORQUE VOCE NÃO PODE PROVAR QUE ELA ADULTEROU. TIREI ELA DO SERVIÇO ONDE TRABALHAVA,ELE NÃO AGUENTOU O TÉDIO DE FICAR EM CASA,E NÃO VINHA FILHO ,POIS ELA FAZIA TRATAMENTO CONSTANTEMENTE PARA ENGRAVIDAR,DEUS ESTAVA ME POUPANDO E EU NÃO SABIA;ANTES NÃO FIZESSE TRATAMENTO.PERMITI ELA TRABALHAR EM CASA ,NA FAMÍLIA DELA .E FICOU PIOR AINDA ,POIS NÃO PARAVA EM CASA ,SABADO E DOMINGO SEMPRE INVENTANDO DE PASSEAR.FICOU GRAVIDA GANHOU UMA LINDA PRINCESINHA.QUANDO TINHA 10 MESES ME LARGOU TERMINANTEMENTE,CHEGOU AOS MEU OUVIDOS MUITÍSSIMAS FOFOCAS,POIS ELA JA ERA AMANTE HA MAIS DE 2 ANOS DO PATRÃO ,DONO DA COSTURA. E AI ? CONTINUARIA COM ELA ? ME CONTAMINANDO E TOMANDO CEIA COMO MEMBRO DO CORPO DE CRISTO ? POIS É : VEJO AI UMA QUESTÃO QUE NÃO TEM PORQUE CONTINUAR JUNTO. MESMO EU TENDO UM PRINCIPIO CRISTÃO MUITO FORTE, SOU CRENTE DESDE CRIANÇA ,DESDE O ANO 65. SOFRI ATÉ DEPRESSÃO ,MAS DEUS ME DEU VÍTÓRIA,DEI A VOLTA POR CIMA ,CONSTRUI UMA NOVA CASA E NOVA FAMÍLIA. HOJE ESTOU FAZENDO 19 ANOS DE CASADO .

    4. Thatyana disse:

      Bom dia Pastor Wanderley, boa suas palavras, gostaria de perguntar como o Senhor vê o divórcio nos dia hoje, pois eu presencio muitas cenas de divorcio e se for analisar é por motivos banais tipo, não deu certo separa, conheço pessoas divorciadas por traição que se casaram novamente e outras que foram por motivos de incompatibilidade, esses pessoas já estão condenadas e sem salvação?

      1. Pastor Wanderley disse:

        Thatyana, o que posso dizer é o seguinte.
        Não sou diferente de ninguém, estou sujeito a todo tipo de pecado, como qualquer pessoa, porém o digo é o seguinte, posso pecar, mas sei que é pecado, não posso me esconder atrás do que acho ser a verdade, se sou um verdadeiro cristão, devo obedecer a Palavra de Deus, não importa se ela me favorece ou não, e isso serve para qualquer época.
        Então, continuo com a Palavra de Deus, que serve para época Bíblica, e também serve para os dias atuais, devemos apenas obedecer. A Bíblia diz em Samuel 15:22 “que Deus não tem prazer em sacrifícios, mas sim em obediência”, então porque não obedecer? Mas hoje procuramos, sempre, o que é mais agradável para nós, inclusive igrejas e pastores que não se preocupam nenhum pouco com o que diz a Bíblia, que “deveria” ser nossa regra de conduta.
        Espero ter explicado, mas como disse antes, não sou dono da verdade e também não quero ser “deus” na vida de ninguém, é apenas como vejo a Palavra de Deus.
        Pastor Wanderley

  3. Sônia disse:

    Sou casada e feliz! Se fosse infeliz e maltratada divorciava e casava novamente. Jesus quer que vivamos com abundância. Viver com abundância é viver feliz na terra.

    1. Claudio Roberto disse:

      vc precisa ler a Biblia irmã.

    2. wando disse:

      me desculpas a um bate boca muito grande a esse respeito pois em pois em Malaquias 2
      …15 Ora, não foi o SENHOR que fez deles um só? Eles lhe pertencem em corpo e espírito. E por que um só? Porque ele desejava uma descendência santa e abençoada! Portanto, cuidai atentamente de vós mesmos: Ninguém seja infiel para com a sua esposa, a mulher da sua mocidade. 16 Pois Eu odeio o divórcio e também odeio aquele que cobre as suas vestes de violência!”, afirma o SENHOR dos Exércitos. Por isso, procedeis com sabedoria: não sejais infiéis! portanto ter o odio do Senhor não é inteligente 10 Somos filhos do mesmo pai, Abraão; fomos criados pelo mesmo Deus. Apesar disso somos desleais uns para com os outros, violando a aliança que nossos pais celebraram! 17 Têm desgostado o Senhor com as vossas palavras.’Desgostado, nós? Como é que o desgostamos?’É quando dizem que praticar o mal, aos olhos do Senhor, vem a dar no mesmo que praticar o bem, e que é dos que fazem o mal que o Senhor se agrada, no fundo. E depois acabam por exclamar: ‘Onde estará o Deus de justiça?’ pence bem antes de falar

    3. wando disse:

      querida olha oque diz a biblia Mateus 19.9
      Examinemos diferentes versões deste texto.

      Eu lhes digo que todo aquele que se divorciar de sua esposa exceto por imoralidade sexual , e se casar com outra mulher, estará cometendo adultério. (NVI)

      Portanto eu afirmo o seguinte: o homem que se separar da sua mulher, a não ser em caso de adultério, se tornará adúltero se casar com outra mulher. (Linguagem de Hoje)

      E eu lhes digo isto: Todo a quele que se divorciar de sua esposa, a não ser por causa de infidelidade, e casar-se com outra, comete adultério

    4. tiago disse:

      o divorcio só é em caso de adultério

  4. Mas a questão não é somente essa. O casamento se banalizou para alguns crentes que estão se divorciando por qualquer motivo mesmo e casando-se novamente. A exceção que Jesus impôs para uma segunda núpcias (se não houver perdão é claro) não está sendo levando em conta por alguns líderes. Me congreguei numa igreja que tem um irmão que hoje está com 70 anos, mas que já está com a quinta esposa que tem apenas 25 anos. As quatro primeiras estão todas vivas e nenhuma delas agiu com inifidelidade, dando-lhe o direito de se casar de novo. O mesmo vive bem na igreja e dizima também, é claro.

  5. reinaldo disse:

    Nós bem sabemos que a biblia abomina o divórcio, e repudia o divórcio e que também ela não aprova o divórcio e nem o segundo casamento. A não ser no caso de viúves no livro de Romanos cap.7 versos 1,2,3 diz: Não sabeis vós, irmãos( pois falo aos que conhecem a lei), que a lei tem dominio sobre o homem por todo o tempo que vive?
    Por exemplo, a mulher que está sujeita ao marido, enquanto ele viver, está ligada a ele pela lei, mas morto o marido, está livre da lei do marido.
    De sorte que, vivendo o marido, será chamada adúltera se unir-se a outro homem.
    Mas, morto o marido, está livre da lei, e assim não será adúltera, se for de outro marido.
    Em 1 coríntio 7.39 fala ainda que se o marido vier a falecer ela estálivre pra casar de novo com uma resalva:( tem que ser no Senhor) e com uma mulher da mesma religião e não uma ímpia ou então que ele fique na condição que se encontra ou se reconcilhe

  6. rosana disse:

    Tds as outras passagens q o Senhor cita na Bíblia. . Proíbe um segundo casamento. .. e nos versículos acima citado. . Só permite o divórcio. .. mais n quer dizer q vc possa se casar novamente

    1. Claudio Roberto disse:

      É isso aí ,as vezes queremos interpreta o grego quando não conseguimos interpretar o portugues. (Ela esta livre não para casar de novo)

    2. Edilson disse:

      No meu pouco conhecimento da palavra de Deus, em relação ao divorciado casar-se novamente, entendo também como a Rosana, que não é da vontade do Senhor!
      O Senhor é amor, porem justo, e não tem variação de palavras, é sim, sim, ou não, não!

  7. reinaldo disse:

    Divórcios/ segundo casamento.

    Romanos 7. 2,3
    1 Coríntio 7. 39
    Efésios 5. 30
    Lucas 16.18
    Marcos10. 1,12
    Matheus 19. 3
    gênesis 2. 24
    Malaquias 2. 14,16

  8. Claudio Roberto disse:

    Apalavra diz q a mulher está livre,mas isso não quer dizer que ela deve casar de novo.Casamento é para sempre!!!!

  9. Claudinei Perboni disse:

    Caro Neto. Graça e paz.
    Você cita Mateus 19.9, onde o Senhor fala aos fariseus, no qual pela dureza de seu coração obedeciam à Moisés e não ao Pai, se voltar ao início, o Senhor revela sua vontade em Mateus 19.4, e posteriormente, fala direto aos discípulos em Marcos 10:10, completando sua vontade nos versículos 11 e 12. o Senhor diz em João 4:18 “porque cinco maridos já tiveste, e este que agora tens não é teu marido…. Qual é o propósito do perdão?
    ”Não somos dignos de julgamento, muito menos de nos colocarmos em verdades absolutas das quais não somos detentores. Mas, pelo Espírito Santo, somos ministrados em verdade.
    Deus o abençoe com graça e sabedoria que vem do seu Santo Espírito.

  10. Célia Freire disse:

    Divóricio é abominável aos olhos de Deus mas por por infidelidade caso nao consiga conviver é possivel a separaçao. Mais em nenhuma parte da Bíblia libera um novo casamento entre divorciados. Livre para casa somente com a morte do conjuge.Simples assim!!!

  11. Edilson disse:

    Foram feitos vários comentários, e entendi até certo ponto! Mas diante dos textos citados, Mateus 5:31,32 / e Mt.19:8,9 e da questão colocada pelo próprio Jesus: “Casar com outra comete adultério”; ” Casar-se com a repudiada também comete adultério”.
    Como que é isso, pode? Me mostre por favor onde esta a autorização, pois no meu pouco conhecimento da palavra, não consegui enxergar a autorização de Cristo Jesus para o divorciado poder casar-se novamente debaixo da vontade e da benção de Deus, por Cristo Jesus.
    Desculpe pela minha ignorância,sobre o percar, errar, perdoar entendi, mas sobre um novo casamento ainda não compreendi!

  12. ildebrando disse:

    Gostei do assunto gostaria de fazer duas perguntas. A primeira é. O caso do rei Assuero ea a rainha Vasti, foi um divórcio. Ou não? Eo que você acha se o rei acabe tivesse se separado de jessabel. Estarei esperando as resp.

  13. joão Adriano disse:

    Paz e Graça. Meus irmãos sou divorciado, sofri muito, pedi perdão ao SENHOR, continuei congregando, tempo depois casei novamente.Tenho cinco anos de casado e estamos feliz. Agora, pergunto; estou então em pecado na igreja? O SENHOR JESUS não me perduou? O que então devo fazer? ‘ Não estou fazendo apologia ao divórcio’. Aguardo resposta. SHALON ADONAI.

  14. Michelle disse:

    Isso foi assunto do Discipulado ontem e eu fiquei sem entender direito. Porque foi dito que quem é divorciado e se casa novamente sofrerá algum tipo de consequência se caso casar novamente. Isso me gerou dúvidas que eu quero que seja esclarecidas.

  15. erinaldo disse:

    Leiam em Marcos 10.2-12, observe o que Jesus diz aos discipulos nos versos 10 a 12.
    Do verso 2 ao 9 Jesus está falando aos Fariseus (representam os de coracoes endurecidos), em casa quando estao somente Jesus e os discipulos, ele nao dar abertura ao divorcio
    Leia e analise por vc mesmo!

  16. Rodrigo Otavio disse:

    Jesus nunca permitiu o divórcio. Ele explica que o divórcio só acontece pelo coração DURO DO SER HUMANO que não tem O AMOR DE DEUS, A PALAVRA E O ESPÍRITO SANTO.

  17. Milton Curvina Neto disse:

    Fico feliz em ver um debate educado e com certo nível de prudência. Tenho visto discussões absurdas onde as pessoas, ao invés de fazerem como os irmãos, procurando esclarecer o tema de forma equilibrada e saudável, partem para agressões gratuitas. Que Deus abençoe a todos. Vou tentar resumir minha posição em poucos tópicos.

    1. Deus não aprova o divórcio. Eu também não poderia aprovar.
    2. Sim, Deus mostra claramente uma exceção à regra. Não tenho como discutir com o que li.
    3. Claro, perdoar é uma opção. Opção grandiosa e louvável. Mas não entendo onde isso muda o texto.
    4. A exceção à regra também é louvável. E não é difícil de entender.
    5. Quando ele fala, fala também aos discípulos (Mateus 19:10)
    6. Jeremias 3:1 segue o mesmo raciocínio.
    7. Não estamos fazendo apologia ao divórcio. Sou casado há vinte anos e não pretendo me divorciar. Mas não vou brigar com a Palavra por causa de uma convicção pessoal. Entendo que o texto é bem claro, especialmente em Mateus 19:9. E enquanto eu não encontrar um texto que, objetivamente, contradizer essa passagem, manterei a posição aqui apresentada, respeitando todas as opiniões contrárias, como convém a um debate saudável como este.

    Deus abençoe a todos.
    Pr Neto Curvina

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Estudos Gospel+ é um espaço onde se coloca estudos bíblicos, voltado ao público cristão.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.