De Quem é a Culpa?

1

As vezes, tentamos sensibilizar Deus com nossas emoções. Queremos colocar em Deus a culpa por tudo de ruim que acontece conosco. Achamos que Deus é o culpado de termos perdido um emprego, um amor,um ente querido numa boate incendiada, num acidente causado por algum tipo de embriaguês. Pela intranqüilidade por tomarmos decisões erradas ou por termos nascido com algum tipo de trauma ou desejos incontroláveis. Não querendo assumir nossos erros, vamos tentando atribuir a Deus todo o nosso fracasso. Se fizermos um exame de consciência e olharmos bem lá no fundinho do nosso coração e do nosso passado, e porque não do presente, iremos ver quantas vezes deixamos Deus de lado em muitas decisões que tomamos. Não O levamos a serio e O abandonamos quando vamos a alguns lugares que não queremos a presença Dele ali. Como se Deus não fosse onipresente, achamos que Ele não estaria naquele lugar .

Estamos vivendo num mundo tão atribulado e perigoso que necessitamos de Sua presença em nossas vidas 24 horas por dia . Pensemos bem: se fosse vontade de Deus que sofrêssemos por algum erro cometido por nós e, por intermédio Dele recebêssemos algum tipo de vingança, bastava ele fazer com que aquele motorista que vem em sua direção numa pista de duas mãos durma por alguns segundos, causando um acidente contigo.O diabo, sim faz isso! Deus, ao contrario, tem livrado muitos que têm colocado suas vidas em Suas mãos ou porque tem pai e/ou mãe, muitas vezes, de joelhos em Sua presença, pedindo a Deus por você.

Deus não se agrada na morte do ímpio(Ezequiel 33:11). Pelo contrario, Ele mesmo morreu para que todos, sejam bons ou ruins, recebam a Sua graça vivificadora, mudem suas formas de viver e tenham vida na sua plenitude. Nossas emoções só sensibilizarão a Deus se vierem seguidas de atitudes de arrependimentos e de louvores e total dependência Dele. E, só Quem conhece nossos corações saberá se o nosso arrependimento é sincero, vem do fundo da nossa alma ou é apenas um remorso momentâneo. Chorar nos cantos, mostrar ao mundo que está sofrendo , gritar aos quatro cantos da terra que veio ao mundo para sofrer, com certeza, não vai sensibilizar o coração de Deus.

Mesmo porque Ele nos conhece mais que nossos próprios pais. Há um local dentro de nós, no nosso espírito que, nem nossos pais, filhos, cônjuges, namorada(os), ninguém, a não ser você e Deus sabe o que se passa. Nem mesmo satanás sabe o que se passa no seu espírito. E é nesse lugar que, pelas nossas atitudes e fé, o nosso espírito vai testificando com o Espírito de Deus, que habita em nós, que somos filhos de Dele. E um detalhe: há poder em ser chamado de filho de Deus ( Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome; João 1:12).

Quando Jesus passou por aquela cruz Ele quis dizer pra você e pra mim e, principalmente, para toda potestade e seres celestiais que nos ama e assumiu toda nossa culpa e todas as nossas dores. Não há mais escritos de dívidas contra nós (Colossenses 2:14). Tudo foi pago naquela cruz. Não há mais cobranças nem reajustes. A única coisa que precisamos fazer é reconhecer que aquele sacrifício e sangue derramado naquela cruz foi e é suficiente para purificar-nos de todo pecado e de toda injustiça.

Ele se fez justiça por nós assumindo nossas culpas, nos tornou inculpáveis diante de Deus, nos trazendo Sua paz. O que devemos fazer é, tão somente, receber esse sacrifício feito por nós, vivermos em novidade de vida e assumirmos nossa condição de servos do Seu reino, fazendo Sua vontade e vivendo de forma santa (separada) para a santificação, entrar nesse processo de santidade, que, sem ela, ninguém verá a Deus. Vivamos todos os dias de fé em fé, crendo que nossas vidas são como o caminho da aurora, que vai brilhando, brilhando, até ser um dia perfeito (Prov. 4:18). E, só assim, temos a condição de estarmos, sem reservas, com Ele em Sua glória.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here