Quais são as Funções e Deveres dos Pais Dentro do Lar?

1

Gn. 18:19

Porque Eu o escolhi [Abraão] para que ordene a seus filhos e a sua casa depois dele, a fim de que guardem o caminho do Senhor, e pratiquem a justiça e o juízo; para que o Senhor faça vir sobre Abraão o que tem falado a seu respeito.”

Deus tem estabelecido os pais como uma das Suas autoridades controladoras na terra.
Esta passagem nos chama a ordenar a nossa casa. Este chamado, para que nós dirijamos as nossas crianças, implica que elas precisam de direção e orientação, elas não tem conhecimento, maturidade ou experiência para que dirijam suas vidas. Cabe a cada pai esta função. E Deus nos deu autoridade para assim agir.

A autoridade possui um fundamento natural dentro do lar e surge espontaneamente na relação entre os pais e os filhos, mais que preocupar-se em consegui-la, trata-se de mantê-la. É importante para os jovens entenderem que seus pais são responsáveis diante de Deus sobre como usam a autoridade que lhes foi concedida para governarem suas casas. Eles não podem governar como querem; eles são chamados para governarem como Deus quer.

Vamos abordar qual o dever de cada um dos pais na educação de seus filhos, mas primeiro, focaremos em deveres que devem ser conjuntos aos dois.
Para Ambos os Pais:

OREM POR SEUS FILHOS!
A oração é uma ferramenta de grande importância nas mãos dos de vocês para a educação de seus filhos, muito além disso, é um investimento para a vida inteira deles, clamar as bênçãos do Senhor para suas vidas. Sem isto, todos os outros deveres são ineficazes.E, ainda mais importante que orar por seus filhos é orar com seus filhos. Tenha uma rotina de oração conjunta com eles, com toda sua família, devemos orar a Deus por todo o bem que teremos (Eclesiastes 12:1; Pv 22:6; Pv 3:6; Sl 119:68; At 8:21-23; 1 Ts 5:18; Lucas 18:1; 1 Ts 5:17; Dt 6:5-7; Rm 1:21;).

DISCIPLINEM SEUS FILHOS!Sim, os discipline. Discipline pelo exemplo. Explique, modele, mas acima de tudo, seja aquilo que você deseja que seus filhos e alunos sejam. Mas tenha cuidado na disciplina, evite e excessos de sermão, de palmadas, de gritos.
AS RESPONSABILIDADES DA MÃE

A mãe, modelo de sujeição (a Igreja a Cristo, Ef 5.22-24), mas também de cuidado e proteção. Os filhos aprenderão que a Igreja deve sujeitar-se a Cristo, mas também aprenderão com ela que Deus cuida de nós e nos consola (Mt 23.37; Is 66.13).

Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, a serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada.” Tito 2:4,5

Tito nos mostra que as mulheres devem ser prudentes – isto é, conhecer suas prioridades. E Quais são estas prioridades?

Sua primeira prioridade deveria ser satisfazer as necessidades de sua família. O versículo 4 diz que as esposas devem amar seus maridos e filhos. Tito diz que mães jovens precisam aprender como amar seus esposos e filhos e ser boas donas de casa (Tito 2:4-5).

Cabe as mães também infundir valores nos filhos. Aos nossos filhos devem ser ensinados os princípios de Cristo, e as mães são peças fundamentais neste processo. Elas tem um papel importante no treinamento espiritual dos seus filhos: “Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti” (2 Tim 1:5).

Compete à administração de sua casa também (Pv 21-27). Sua competência administrativa mostra sua capacidade de gerenciar as dependências de sua casa. No mundo de hoje temos executivas ocupando grandes responsabilidades em grandes empresas, mas que deixam sua família entregue nas mãos de estranhos. Esta mulher via a importância de sua vida, voltada também na boa condução de seu lar. Lembremos “Toda mulher sábia edifica a sua casa” (Pv 14:1).

AS RESPONSABILIDADES DO PAI

O pai, modelo de autoridade, mas também de sujeição e de entrega (Ef 5.22-29). O pai é a cabeça da casa, como Cristo é a cabeça da Igreja, seu Corpo. Mas Cristo deu a sua vida pela Igreja. O mesmo ato deve fazer o marido e pai. Seu amor deve ser declarado, mas principalmente praticado, para ser visto pelos filhos.

Sim, cabe ao homem exercer maior autoridade dentro do lar, assim como recai sobre ele, maior responsabilidade. Vemos em Provérbios13:16 que o pai e marido deve demonstrar capacidade em liderar. Ser líder do lar, é uma das principais funções de um pai dentro de casa. Ele é o cabeça do lar “Porque o marido é o cabeça da mulher, como Cristo é o cabeça da Igreja, sendo este mesmo o salvador do corpo” (Ef 5.23). Existe um relacionamento real estabelecido entre a posição real de Cristo e a posição do marido.

O pai tem a responsabilidade de ser sacerdote do lar (1 Tm 2A,4-5), antes de ser um bom esposo, pai, um bom profissional, ele precisa ser um bom sacerdote dentro de sua casa. É dele a responsabilidade de prover conhecimento espiritual junto a sua família.

Porém, esta autoridade, esta liderança não é poder bruto, não é autoritarismo. Homens, exerçam autoridade dizendo: “Você deve fazer isso como filho de Deus.”. Ele exorta seu filho chamando calmamente e aparado na palavra.

Outra responsabilidade do pai é a de provedor (Pv 6.8-11) e (Pv12.11). Pai, se você ama seus filhos, se você ama sua esposa, você assumirá o papel de provedor espiritual, social e cultural. “Ora, se alguém não tem cuidado dos seus e especialmente dos da própria casa, tem negado a fé e é pior do que o descrente” (1 Timóteo 5:8).

Querido pai e querida mãe. dentro um ambiente de vida familiar, nem o esposo nem a esposa devem transferir para o outro as responsabilidades dadas por Deus a cada um deles. A mãe tem a incumbência de suplementar os esforços do pai, pois os filhos desfrutam mais de sua companhia. Se existe a tendência de os pais serem muito rígidos e severos, as mães são propensas a serem muito brandas e clementes. Um deve auxiliar o outro, sempre tomando o cuidado contra qualquer coisa que possa enfraquecer a autoridade de ambos sobre os filhos.

Obs: Não deixe seu filho nas mãos do “Estado”. O mundo jaz no maligno, e os governantes, e no Brasil digo que é pior ainda, estão completamente compromissados com a obra de satanás na terra. Não entregue seu filho a Cesar, pois depois não ira poder reclamar quando ele se comportar como um romano.

1 COMENTÁRIO

  1. Não se estranha e degeneração da família hoje. Os valores estão se envertendo cada vez mais. As orientações e ordens de Deus se tornaram absoletas no mundo de hoje, para alguns é claro. O trabalho, a profissão se tornou mais importante do que a família. Mas, como é final dos tempos, é preciso que tudo isto aconteça, para que se cumpra as Escrituras Sagradas. Pr. Adamastor Mendonça de Souza.

DEIXE UMA RESPOSTA