Gentileza

0

Árvores frutíferas são usadas ​​nas Escrituras para representar a raça humana.

O Salvador compara o ímpio a “árvores más”, que produzem frutos maus e os justos a “árvores boas”, que dão bom fruto (Mt 7.15,20).

Ele também ensina muito enfaticamente a impossibilidade de sermos uma boa árvore e darmos fruto
s maus, nem de sermos uma árvore má e dar bons frutos.

Uma vez que a natureza do fruto que produzimos determina que tipo de árvore somos, é muito aconselhável para nós, como cristãos professos, examinarmos frequentemente o fruto que estamos dando. Para ser de Cristo, ou para ser um cristão, devemos ter o Espírito de Cristo, pois as Escrituras dizem que “se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele” (Rom 8.9).

Tão certo como a causa produz o efeito, aqueles que têm o Espírito de Cristo, produzirão o fruto do Espírito. Não produzir o fruto do Espírito é a prova cabal de que você não tem o Espírito. Então, um exame atento do fruto que você estiver dando irá lhe revelar que você não tem o Espírito de Cristo, se você é ou não dEle, se você é ou não um cristão.

Você pode fazer um exame superficial, e se permitir ser enganado. Você pode dar desculpas para si mesmo por causa de suas fraquezas e, assim, enganar a si mesmo. Mas um exame profundo e completo divulgará a cada um o tipo de espírito que ele é.

A gentileza é um dos frutos do Espírito (Gál 5.22). Se temos o Espírito de Cristo, nós temos esse fruto. “Bem”, diz alguém, “em minha constituição eu sou áspero, rude, e precipitado.” Você precisa ser feito de novo. Quando Deus encontra um homem que é áspero, rude e precipitado em sua constituição, Ele irá, se o homem se render à operação do Espírito Santo, torná-lo brando, gentil e pacífico.

As pessoas vão a um hospital e por uma operação científica têm abscessos e tumores removidos do estômago e outras partes internas. Deus, através de uma operação abençoada, maravilhosa e bem-sucedida do Espírito Santo, removerá esta aspereza e rudeza de sua natureza, e incutirá suavidade, ternura, gentileza e delicadeza em seu lugar.

Dureza e falta de mansidão são uma corrupção que Deus, em seu gracioso plano de salvação, tem o prazer de remover. Se você permitir que o Espírito Santo trabalhe em você o que é agradável aos olhos de Deus, ele irá torná-lo gentil.

O que é gentileza? É suavidade, leveza, brandura e mansidão. É o oposto de dureza, aspereza, etc É doçura de disposição, pela brandura de temperamento, suavidade de procedimento, bondade, ternura, etc.

Aqueles que são de disposição gentil agem e falam sem aspereza. Eles não são taciturnos, azedos, intratáveis, e inconstantes, mas são suaves, mansos e constantes.

As boas maneiras estão intimamente ligadas com a gentileza e as boas maneiras não trazem desonra ao cristianismo.

O apóstolo Paulo por meio de testemunho, disse aos santos de Tessalônica: “Nós fomos dóceis entre vós, como a ama que cria seus filhos.” 1 Tes 2.7, assim foi o seu proceder. Do mesmo modo que uma mãe afetuosa é para com uma criança delicada, assim foi ele para com aqueles a quem amava. Muito diferente era então do que fora antes quando estava perseguindo e assolando a igreja de Deus. Ele havia sido mudado pela graça. Ele exorta os servos do Senhor para “serem mansos para com todos os homens” (2 Tim 2.24) e serem “moderados, mostrando toda a mansidão para com todos os homens” (Tit 3.2). Davi, em sua homenagem sublime de louvor a Deus em 2 Sam 22.36 diz: “Tua bondade me engrandeceu.”

Será que você, meu leitor, gostaria de ser mais gentil em seus modos? Você está muito endurecido e rude? Você tem sido como pai, gentil para com seus filhos em todos os momentos? Marido, você é tão amável e gentil para com a sua esposa, quanto deve ser? Você acredita que atende à medida da Bíblia neste particular? Você é gentil com seus animais domésticos como você deve ser? ou você tem sentimentos impacientes e age de uma maneira precipitada e abrupta em relação a eles?

Se você se depara com algo bastante provocativo da parte de sua esposa ou de seus filhos, ou dos seus animais, você se mantém suave e doce como você sabe que deveria? Agora, eu espero que você se examinará mais acuradamente. Eu não quero condená-lo, eu quero ajudá-lo. Há muitos santos professos que hoje não são tão brandos quanto deveriam ser.

Por que não ser sincero, e buscar a ajuda de Deu para melhorar? Por que ir junto com a frieza e o mau humor em sua vida?

Seja gentil para com todos.

Gentileza é uma graça bela. Sua excelência é grande. Por cultivo esta graça é capaz de ser muito aperfeiçoada.

Poucos santos a experimentam na medida em que deveriam. Rogo-vos pela mansidão de Jesus para serem sinceros e melhorarem sua gentileza.

Nunca permita que uma carranca se instale ainda que por um momento em sua testa. Ela vai deixar a sua marca se você fizer isso. Aprenda a ser gentil em sua casa. Assim como, quando, às vezes, longe de casa, você retrata a si mesmo como manso e bondoso e amoroso, você deveria ser em casa. Pela graça de Deus você pode ser tão gentil quanto você possa ver na foto do quanto deveria ser.

Extraído do livro como viver uma vida santa, de James Orr – traduzido pelo Pr Silvio Dutra


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here