Essência… Cinco Virgens? Mas Não Eram Dez?

0

Lembra no começo do seu casamento com Deus? Tudo era prazeroso por mais enfadonho que parecia o seu trabalho na obra, você era dedicada, fazia as coisas que ninguém gostava de fazer, não tinha tempo ruim, tudo você dava um jeito.
Com o passar do tempo a mesma esposa que era tão dedicada, que estava sempre pronta para tudo começa a relaxar e as mesmas coisas que fazia com todo o carinho agora são feitas mais por obrigação.

Eu me lembro das cartinhas que escrevia para Ele e colocava no Altar, pensava nEle, não via a hora de me encontrar e me declarar á Ele.
E quando nos encontrávamos ficávamos horas!!!
Se você reconhece que não é mais aquela mesma noiva que um dia chamava a atenção do Rei e que Ele prontamente deixava tudo para estar com você, se arrependa, veja o que fez você se afastar daquele Primeiro Amor, das primeiras obras.

Não foi ninguém que te afastou e sim você mesma! A sua alma é preciosa para Deus e o diabo sabendo disso vai investir para você ficar concentrada naquilo que não vai te levar a vida eterna!
Lembre-se ninguém se esfria da noite para o dia. Seja sincera com você mesma! Ninguém engana a Deus.

Do que adianta querer demonstrar alguma coisa onde lá no fundo você sabe que tem alguma coisa errada e que precisa ser concertada mas que você vai adiando e o tempo vai passando e é isso que o diabo quer. Ele trabalha com o tempo!

Volte e não ligue para o que as pessoas vão dizer! Você está voltando para Deus e não para elas. Quem morreu por você foi Jesus ou se esqueceu desse grande detalhe!!!
Lembre-se de onde Ele te tirou! E volte a ser aquela mesma pessoa preciosa Aos Olhos de Deus!

“Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras; e, se não, venho a ti e moverei do seu lugar o teu candeeiro, caso não te arrependas” (Apocalipse 2.4-5).

– Kelli


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here