Como o Amor Cobre Transgressões

0

Provérbios 10.12: “O ódio excita contendas; mas o amor cobre todas as transgressões.”

Este é um provérbio muito conhecido, especialmente a sua segunda parte que é muito citada no Novo Testamento, na qual se diz que o amor cobre multidão de pecados.
O amor cobre o pecado, não o desculpando e justificando, mas não fazendo do pecado dos outros uma oportunidade para criar contendas e dissabores.

Podemos dizer em relação a isto, que o amor passa por alto sobre o pecado alheio na busca de uma oportunidade de arrependimento e conciliação, pois o amor nunca visa à ruína do próximo, senão à sua edificação.

Já o ódio e a malícia são grandes geradores de contendas e divisões. O coração que não estiver sendo guiado pelo amor e graça de Deus fica à mercê desses dois traidores do bem-estar de nossa alma, e, que se fazendo dissimuladamente de defensores de nossa justiça e honra, colocam-nos em contendas que muitas vezes tornam irreconciliáveis aqueles aos quais sujeita.

Quão imperioso é que se vigie em todo o tempo, porque não apenas o pecado que habita em nossa natureza terrena, quando não mortificado, como também o Inimigo do ar de nossa alma – Satanás, o diabo, sempre procurará ocasião para indispor nossos corações até mesmo com aqueles aos quais mais amamos, produzindo discórdia e indisposição pelos mais variados e tolos motivos.

É necessário recorrer à graça do Senhor e repreender o Inimigo, buscando com toda intensidade, a paz da qual tanto necessitamos em nossos relacionamentos.
O amor é o grande pacificador, que em vez de nos tornar irritados com as faltas alheias, nos faz pacientes e nos capacita a suportá-las por maiores que elas sejam.
O amor, em vez de anunciar e agravar a ofensa, a oculta e extermina na medida em que é capaz de ser escondida e extenuada.

Pr Silvio Dutra


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here