Apascentar

0

“Procura conhecer o estado das tuas ovelhas e cuida dos teus rebanhos,” (Pv 27.23)
“Depois de terem comido, perguntou Jesus a Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes outros? Ele respondeu: Sim, Senhor, tu sabes que te amo.
Ele lhe disse: Apascenta os meus cordeiros.” (João 21.15)

Uma das principais funções do pastor é a de usar o seu cajado para afastar o ataque dos lobos sobre o seu rebanho.
Muitas vezes, estes lobos não vêm de fora, mas atuam no próprio rebanho, ou individualmente no próprio interior de cada ovelha, em forma de endurecimento e rejeição à recepção do alimento necessário para que esteja saudável, a saber, a Palavra de Deus, que é o alimento do espírito. Sempre há uma resistência natural e persistente do lobo representado na nossa natureza decaída no pecado, no fascínio pelo mundo, nas investidas dos espíritos imundos, que furtam o nosso alimento.

Desta forma, importa que os pastores não somente forneçam o alimento das ovelhas (Palavra), em face desta possibilidade sempre presente de um furto fácil. Elas devem ser ensinadas a preservar o seu alimento com toda a diligência, e nisto coopera tanto a oração dos pastores em seu favor, quanto a oração das próprias ovelhas, para que sejam livradas do mal.

Uma boa ação preventiva é a de manter as ovelhas empenhadas com a obra de Deus, especialmente no cuidado relativo à santificação de suas vidas para tal propósito, não apenas na participação de atos devocionais, como também na prática efetiva do amor e das boas obras. A inércia e a indolência produzirão enfermidade e morte espiritual no rebanho.

“Atendei por vós e por todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos, para pastoreardes a igreja de Deus, a qual ele comprou com o seu próprio sangue. Eu sei que, depois da minha partida, entre vós penetrarão lobos vorazes, que não pouparão o rebanho. E que, dentre vós mesmos, se levantarão homens falando coisas pervertidas para arrastar os discípulos atrás deles.” (Atos 20:28-30)

“Saúda-vos Epafras, que é dentre vós, servo de Cristo Jesus, o qual se esforça sobremaneira, continuamente, por vós nas orações, para que vos conserveis perfeitos e plenamente convictos em toda a vontade de Deus.” (Col 4.12)


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here