Por Que a Fé É Tão Importante?

3

A fé verdadeiramente honra a Deus, porque é a firme confiança em tudo o que a boca de Deus tem proferido. E, porque a fé honra a Deus, Deus imputa a fé para justiça de todo aquele que Nele crê.

A Lei de Deus na Bíblia revela que a transgressão de qualquer mandamento de Deus torna o homem culpado de uma condenação eterna.

E quem, na condição de pecador por natureza poderia cumprir tal exigência moral de Deus?

A Sua justiça o exige, porque se demanda conformação perfeita à Sua santidade para que alguém possa ir para o céu, sem culpa alguma.

Mas, o pecado ofendeu a justiça de Deus. Foi por causa desta ofensa que o pecador perdeu o céu.

Então, o caminho de volta ao céu deve passar obrigatoriamente, pela plena satisfação da justiça de Deus.

O homem necessita então, de justiça, para ser salvo.

Mas, o alto nível desta justiça, não pode ser encontrado ou produzido por ele.

Daí ter o próprio Cristo se tornado a nossa justiça.

É pela Sua justiça imputada a nós, que podemos nos aproximar do Deus que é inteiramente justo e santo.

Consequentemente a Lei afirma, que todo aquele que não cumpre Seus mandamentos permanece debaixo de maldição,porque os mandamentos da Lei refletem o caráter da perfeita justiça de Deus.

Há somente uma maneira de ser resgatado desta maldição, uma vez que a própria maldição não pode ser removida, em razão da exigência da justiça de Deus que amaldiçoa todos os transgressores da Sua vontade, a menos que eles tenham sido justificados em Cristo Jesus, pela justiça que lhes é imputada por Deus, somente pela graça e mediante a fé.

Deste modo, Paulo explica que nós somente podemos ser justificados pela fé, que se firma no Evangelho, na boa nova de grande alegria de que Deus se faz favorável para com os pecadores que se arrependam de seus pecados, e que se unem pela fé a Cristo, para serem justificados e santificados.

Por isso, aqueles que pensam que poderão ser justificados pelo seu mero esforço em praticarem as obras da lei, à parte da fé em Cristo, estarão permanentemente debaixo da maldição da Lei, porque a Lei não foi dada por Deus para o propósito de justificar, e não poderia ser dada para tal objetivo, porque o homem é pecador e já se encontra condenado, independentemente do que possa fazer de bom.

As santas exigências da Lei comprovam o quanto o homem está distanciado da perfeita justiça e santidade de Deus.
Logo, a Lei não poderá justificá-lo, porque para isto seria necessário que o homem fosse perfeito no cumprimento de tudo o que a Lei exige desde o seu nascimento, quer em palavras, em pensamentos e ações, como nos deveres relativos a Deus quanto ao seu próximo.

Ninguém além de Jesus Cristo conseguiu cumprir perfeitamente toda a Lei, e somente Ele poderia reivindicar a justificação da Lei caso necessitasse dela, mas isto nunca seria preciso no seu caso, porque Ele não tinha do que ser justificado, pois era sem pecado.

Quando alguém confia em seu coração, que seus pecados são perdoados por causa do sacrifício de Cristo, e por causa da Sua justiça, Deus cobrirá seus muitos pecados com o sangue do Seu Filho, e lhe aceitará por causa desta sua confiança nos méritos de Cristo, como suficientes para expiar a sua culpa e dar-lhe a salvação.

É como se Deus dissesse: “Eu perdoarei os seus pecados, porque você crê que o meu Filho é poderoso para livrá-lo da condenação futura, porque Ele próprio se fez maldição no seu lugar, na cruz, para que você não estivesse mais debaixo da maldição da Lei.

Por causa desta sua confiança nEle, Eu lhe darei o Espírito Santo que prometi derramar, como aceitação plena do sacrifício que meu Filho fez por você na cruz, de maneira que o Espírito Santo possa transformar Seu coração e operar em você um caráter verdadeiramente santo, assim como Eu sou santo.”

Baseado em Gálatas 3


3 COMENTÁRIOS

  1. E depois da sétima volta as muralhas de Jérico cairam, elas não podiam ter caído na terceira volta então Deus estaria adiantando sua promessa, não de forma alguma elas foram ao chão no momento certo e o momento certo está chegando na sua vida.

  2. Sem fé é impossivel agradar a Deus,pois se achegar-mos a ele com certeza ele não irá nos desprezar.a palavra nos diz pode a mãe esqueçer do seu filho jamais Deus esqueçera de nós.
    Eu confio num Deus de amor,que não poupou seu unico filho por amor de mim,esse Deus é de mais, por isso enquanto eu viver sequirei sempre confiante na sua palavra.amem……..

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here