Destaque

Decepcionado com Deus

Next Article
Inimigos da Oração
Comments (5)
  1. Selenia disse:

    Maravilhosa resposta aos nossos corações, é verdade, não vemos como um todo, só olhamos para a pose da foto, mas dentro de cada um de nós? quem nos conhece é o Senhor, só a sua graça nos basta. Mas o coração humano é tendencioso, e muitas das vezes não conseguimos olhar e ver as coisas espirituais, como diz o Apóstolo Paulo em 1 Co 2:13-14:”Ora, o homem natural não aceita as coisas do Espírito de Deus, porque para ele são loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente.Mas o que é espiritual discerne bem tudo, enquanto ele por ninguém é discernido.”. É isso aí irmão, temos que buscar cada vez mais o conselho de Deus e deixar de querer e valorizar somente o conhecimento humano, ele é muito importante, mas sem o discernimento espiritual seremos homens naturais.

    1. jessica disse:

      gostei muito da sua resposta conçerteza nao devemos valorizar as coisas humanas pois deus tem o melhor pra gente ele as vezes nos permite passar por provas mais ele nunca nos abandonas pois ele mesmo deixou escritos na suas escrituras em joao:no mundo tereis afliçoes mais tendes bom ânimo eu vençi o mundo!nao somos nada pois acada dia devemos nos humilhar diante de deus pois so ele e digno de toda honrra e de toda gloria!

  2. jessica disse:

    bom ja sabemos que deus e tudo na nossa vida as vezes passamos por provas mais deus esta conosco e esse vento vai passar que deus abençoe todos e que possam ser feliz pela garaça de deus!

  3. caios julius disse:

    É só o arroz com o feijão.

    A passagem de “e Deus amou o mundo…” que sempre se diz para afirmar o amor dEle para conosco.
    Não duvido disso, nunca duvidei. Mas saber disso não muda o fato de que o cristão sofre. Eu sofro, me sinto totalmente abandonado. Mal consigo ler a Bíblia sem sentir raiva no coração por ler promessas que não sem cumprem na minha vida.

    “Qual filho que se pedir um pão o pai lhe dará uma pedra?
    e se pedir um peixe lhe dará uma serpente?”

    Passagem lindíssima da promessa de provisão e cuidado por parte e DEus. Contudo, em minha vida, eu pedi pão e e quebrei os dentes em uma pedra, pedi peixe e fui mordido pela serpente. No dia a dia, poucas coisas vem a minha memória, que me possam dar esperança.

    Minha história é longa, meu sofrimento também, basta dizer que conheço a Palavra, estudei muito, mas nada disso tem valia para mim hoje, senão por maldição de ver o bem dado a outros, quer ímpios ou cristãos, e a mim o inexplicável desalento.

    Penso em Jó, porém, mesmo ele pode desfrutar do amor e providência divina antes de sua calamidade, e depois tambem, nada para mim foi assim.

    Ando de calamidade em calamidade, sem entender por que, servindo a Deus ou ao mundo, a calamidade me perseguiu, porém, agora conhecedor de Deus e ouvindo testemunhos de “bençãos” dadas a irmãos o peso é horrívelmente pior do que se nada soubesse dele, pois me sinto excluído da Sua mesa.

    Escrevo, e não posso evitar as lagrimas. Me dói, não entendo o porque. Me entreguei, me dediquei, abri mão de escolhas mundanas, servi, paguei os preços do imitador de Cristo, jejuei, orei, orei muito, pedi por ajuda, auxílio, alimentei mendigos, vesti-os, visitei presos em cadeias, preguei em igrejas, no trabalho, vi conversões e discipulei, mas me sinto completamente abandonado hoje.

    Não sei qual pecado cometi, na verdade esquadrinho os meus passos e meu coração até aqui e nada me vem a mente.
    Nunca pedi muita coisa para mim, na verdade, a única coisa que pedia a Ele, do fundo do coração, o único presente, que orei todos os dias, este me foi negado, ignorado.
    E não era nada fora de sua vontade, era dentro dos propósitos revelados dEle.

    Pior, o que recebi foi o inverso do que pedi. O que eu queria iria me abençoar, iria edificar minha vida. O que recebi me destrói, me faz tropeçar, me consome.
    Foi uma pedra no lugar do pão. Uma serpente no lugar do peixe.

    Se eu fosse do mundo, já teria resolvido o problema. Porem, estou preso a palavra que eu mesmo proferi, por que acredito nEle.

    Desesperado passo meus dias, adoecendo física, pisicologicamente e espiritualmente.
    Já me considero desviado, não vou mas a igreja, apesar de pensar nEle todos os dias, de orar todos os dias (porém hoje minhas orações raramente incluem louvores, o que penso, invalida-las), murmuro e reclamo com ele, mas não tenho ido a igreja, faz algum tempo.

    Não vou porque simplesmente NÃO SUPORTO MAIS OUVIR AS MESMAS COISAS que não me ajudam em nada. Sei que são perfeitas para evangelizar mas a única coisa que sinto é raiva. Raiva ao ouvir as promessas que parecem só não se cumprir para mim! parecem mentiras só para mim!
    “Pedi e dar-se-vos-a!” (mentira)
    “Entrega teu caminho ao Senhor, confia nEle e o mais o fará”( mentira)
    “lembrate-te do Senhor nos dias da tua mocidade e Ele satisfará os desejos do teu coação” (é o que eu mais detesto, pois não foi o que aconteceu!!!!!!!)

    Conversei com pastores, vários, mas eles não estão preparados para ouvir isso. Sempre vem com as “receitas” de sempre: doses conhecidas de certas passagens, sempre tomo essas “doses” e reflito, e continuo excluído.
    Alguns pastores me viram como um problema e preferiram me excluir a me ajudar. Só porque não sabiam me responder.

    apesar dos meus sentimentos, nunca expus a minha raiva ao ponto de escandalizar alguem, pois sempre tive o temor e o desejo por encaminhar pessoas à salvação e não afasta-las de Deus.

    Resultado: Sofro calado, dia a dia, não tenho com quem conversar, então despejo tudo em sima de Deus, as vezes asperamente (geralmente no ápice da raiva, mas apos isso eu acabo pedindo perdão) mas isso também não muda meu estado.

    Pra mim hoje é muito difícil ler, ouvir qualquer palavra, pois geralmente eu me vejo contrariado nela. Testemunhos então nem se fala.

    É isso, um desabafo. Não precisa publicar se não quiser, pois pode escandalizar alguém.

    Me sinto excluído, decepcionado, totalmente desorientado.
    Estou sedento por uma resposta de Deus para o meu sofrimento, semelhante a resposta de Deus para Moises no mone Hor, quando o impediu de entrar na Terra prometida.

    Estou decepcionado, e já as palavras não me ajudam. Penso que, se Deus agir em meu favor, poderei me levantar, se as promessas se cumprirem, poderia eu louvar em espirito e em verdae, não mecanicamente e por lei.

    Então eu leio o que escreveste, e entendo, acredito, Deus é bom, Deus é justo, Deus me ama, Deus não faz o mal a mim…
    Mas nada disso tem mudado o meu sofrimento.

  4. Sem fé é impossível… Pobres, classes mais ou menos, ricos, etc. Somos pó da terra e a corrupção, falta de amor revelam um pouquinho da situação crítica que o mundo vive, sem explicar com exemplos que há pobres que se fazem de ricos e vice versa My God. Deus é Amor e Justiça não queria que ninguem fosse desobediente e sem salvação, mas há vários caminho e o Caminho para andar é demais perseguido, invejado, etc. Por semeadores de sementes daninas aiaiai Mas mostra que é preciso seguí-lo. andar sem olhar para tras. Jesus avisou é difícil quem se julga rico entrar no Reino, não é impossível porque Jó, Ester, Zaqueu e outras vidas prósperas são provas de que Deus Existe e Ama a todos de qualquer classe, cor, etc. Amém.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

O Estudos Gospel+ é um espaço onde se coloca estudos bíblicos, voltado ao público cristão.

Aproveite o conteúdo e compartilhe o conhecimento através das redes sociais.