Cristãos Fast-Food

0

Tenho visto que o Brasil tem se tornado um país muito “evangelizado”. Até bêbado defendendo Jesus em peça de teatro da paixão de Cristo podemos ver. Um fato extremamente engraçado, vale a pena ver. (http://youtu.be/TcmEGNVEMlA)

Hoje o cristianismo tem se resumido a tele-evangelistas que pregam sobre curas, milagres e prosperidade financeira, ou a renovação carismática lançando padres cantores para também moverem multidões, mas sempre com um único objetivo: as igrejas se tornarem maiores e terem mais “fiéis”.

Os “cristãos” tem se tornado uma geração fast-food, onde pensam que ao ir à igreja, estão entrando em um drive-thru para fazer seus pedidos para Deus. Alguns levam até suas carteiras de trabalho, fotos das pessoas que querem interceder, além daquela oferta para receber muito mais de volta.

Ficou fácil ser cristão hoje. Qualquer um que entre em uma igreja pode ser batizado e se tornar um evangélico, e no Brasil grande parte já nasce católico, é batizado no nascimento. Temos pessoas fazendo filmes pornográficos que se entitulam cristãs, apóstolos que estão nadando em rios de dinheiro, cristãos orando agradecendo a Deus pelo dinheiro que receberam por serem corruptos, e assim vejo que o que é chamado cristianismo hoje não tem nada a ver com Jesus Cristo.

Posso dizer que a igreja hoje não está nem um pouco diferente da época das indulgências e nem das cruzadas.

O cristianismo está centralizado na CRUZ.

A dois mil anos atrás um homem apareceu em Nazaré. Andava de forma simples, seus pés eram sujos e precisavam ser lavados pois andava a pé nas ruas apoeiradas de Cafarnaum, Belém, Betânia.

Ele era o filho de Deus, homem e Deus. Poderia ter nascido em um berço de ouro, mas Deus escolheu uma manjedoura. Poderia ter nascido como um príncipe, filho de um grande rei, mas Deus escolheu que fosse criado por um pedreiro (ou carpinteiro).

Ele poderia ter estado apenas entre os “grandes”, mas preferiu caminhar entre os humildes. Os religiosos não gostavam dele pois estava entre os “pecadores”, dava atenção às mulheres, e curava todos aqueles que iam até ele.

Jesus escolheu a CRUZ ao invés da glória terrena. A igreja tem escolhido a glória passageira, o dinheiro, a fama, ao invés da CRUZ de Cristo.

Porque Jesus escolheu a cruz, hoje nós podemos ser salvos. Porque a igreja tem escolhido as facilidades, o evangelho tem sido escandalizado.

Porque a igreja primitiva escolheu fazer a vontade de Deus, hoje nós podemos ter os evangelhos, atos, cartas de Paulo. Porque a igreja moderna tem se afastado do evangelho, hoje temos mais livros sobre vitória financeira do que qualquer outra coisa.

O cristão deve estar disposto a morrer. Será que você é cristão de fato?

Jesus disse:

Uma grande multidão ia acompanhando Jesus; este, voltando-se para ela, disse:

“Se alguém vem a mim e ama o seu pai, sua mãe, sua mulher, seus filhos, seus irmãos e irmãs, e até sua própria vida mais do que a mim, não pode ser meu discípulo.

E aquele que não carrega sua cruz e não me segue não pode ser meu discípulo. Lucas 14:25-27

Não existe cristianismo fast-food. Não existe vida cristã sem a cruz. Não é possível se entitular cristão e amar mais a si mesmo ou as coisas do que a Jesus. Não é possível caminhar com Jesus e ser discípulo dEle desejar apenas uma vida de facilidades, sem a cruz.

Conheça mais em www.somenteagraca.com


COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here