Home » Capa, Estudos por VC, Vida Cristã

Bem-aventuranças de Deus

Estudos Bíblicos em seu email

Receba Estudos Bíblicos em seu email gratuitamente! Insira seu email:

Gospel+ no Twitter!

ou no facebook

Bem-aventuranças de Deus

Texto base: Lucas 6:20-26

Visite: Gospel +, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Jesus, mais uma vez olhando para os seus discípulos, inicia um discurso diferente de tudo que tinham ouvido até aquele momento, Ele começa a falar das bem-aventuranças, das felicidades futuras. Discurso esse que contraria toda lógica humana de felicidade, tornando-se assim mais um paradoxo da graça de Deus.

Na Graça bem-aventurados não são os ricos, os que vencem “no mundo”, os que estão no topo da sociedade, e sim os pobres, os fracassados segundo o padrão mundano, aqueles que não conseguem subir na vida, os necessitados, pois o Reino dos Céus é deles, afirma Jesus. É interessante sabermos que Reino dos Céus não é o céu propriamente dito, e sim o conjunto daqueles que se submetem a um Reinado que vem dos céus, a um Rei chamado Jesus. Herdar o Reino dos Céus é, no mínimo desfrutar da paz que somente este Reino pode oferecer, sentindo prazer em ouvir e atender a voz Daquele que governa, o Senhor. O mesmo não acontece à maioria daqueles que tem muitas riquezas, pois, apesar das muitas posses, não conseguem ter paz no coração e mal conseguem dormir direito.

Ao contrário do que o mundo ensina e até algumas religiões, felizes são os que tem “fome” hoje, agora, no dia-a-dia, porque Jesus os fartará amanhã. Felizes são os que choram, os odiados, os perseguidos, os insultados, os excluídos como “maus” por causa de Cristo. Jesus afirma que a esses será grande a recompensa que receberão no céu, pois da mesma forma trataram os profetas no passado.

Engraçado que é justamente àqueles a quem o mundo tanto aplaude, que Jesus reserva os ais, as dores, os sofrimentos futuros. Os ricos, aqueles que têm fartura, aqueles que riem, aqueles que são elogiados por todos, a esses Jesus afirma, ai de vocês, pois já receberam sua recompensa, passarão fome, irão se lamentar e chorar, e da mesma forma que tratam vocês (louvando-os e engrandecendo-os), trataram os falsos profetas. E aqui me recordo o que diz um mensageiro da Graça de Deus, aquilo que é exaltado entre os homens, é abominação diante de Deus, quase sempre.

Não podemos cometer o equívoco de achar que a lógica de Deus é igual a lógica do homem, já vimos nesse texto, que algumas vezes pode ocorrer justamente o contrário. Portanto Deus tem misericórdia de quem Ele quer, e endurece a quem Ele quer (Romanos 9:18). E não cabe a nós questionarmos o agir de Deus, e nem dar para compreender todos os seus feitos, afinal de contas, Ele é Deus e nós homens. Por acaso pode o que é formado perguntar ao que o formou: por que me fez assim? (Romanos 9:20).

Que a nossa consciência em Cristo cresça a cada dia mais ao caminharmos com Ele, lembrando sempre que o Caminho não é uma “trilha de deslocamento”, o Caminho é uma pessoa: Jesus Cristo. Andar com Jesus é muito mais que fazer parte de um grupo cristão, ou de um clube social, significa ter a mente renovada constantemente pela de Cristo passando a enxergar o mundo como Ele enxergou: com os olhos de amor e misericórdia.

Pois estou convencido de que nem morte nem vida, nem anjos nem demônios, nem o presente nem o futuro, nem quaisquer poderes, nem altura nem profundidade, nem qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor. (Romanos 8:38-39)

Que o Senhor nosso Deus os abençoe!

"As opiniões ditas pelos colunistas são de inteira e única responsabilidade dos mesmos, as mesmas não representam a opinião do Gospel+ e demais colaboradores."


PS.: Comentários via Google+ estão logo abaixo desabilitados no momento.


Comentários via Facebook

Sua resposta

Adicione seu comentário abaixo, ou faça trackback de seu site ou blog. Você pode também assinar esses comentários via RSS.
Seja legal. Não escreva em CAIXA ALTA. Mantenha no tópico. Limite de 3000 caracteres no comentário.

Há 4,982 comentários no Estudos Bíblicos.